O Google anunciou que a partir de hoje o YouTube irá incluir publicidade em alguns vídeos. O método usado será diferente dos utilizados por outros serviços de vídeo, já que os anúncios sobrepõem-se à parte inferior dos conteúdos que os internautas estão a visualizar 15 segundos após o início da reprodução.



Se o utilizador clicar na publicidade é reencaminhado para uma nova janela onde pode ver o anúncio na íntegra ou, no caso de não o fazer, pode esperar 10 segundos até a publicidade desaparecer.



A empresa assegura que os momentos publicitários não afectarão os vídeos já que assim que o anúncio terminar a reprodução do conteúdo este arranca no ponto onde havia sido interrompida.



Por enquanto, apenas os vídeos protegidos por direitos de autor estão sujeitos à integração de publicidade. Todos os conteúdos que seja publicados de forma irregular, ou vídeos caseiros cujo conteúdo não seja apropriado à imagem que o anunciante quer dar estão livres de publicidade.



As receitas provenientes desta estratégia serão repartidas entre as companhias proprietárias dos direitos de autor e o YouTube. Os anunciantes pagarão 15 euros por cada mil vezes que a sua publicidade seja visualizada.




Notícias Relacionadas:

2007-06-22 - CE autoriza criação de concorrente ao YouTube

2007-06-19 - YouTube alarga presença directa a mais nove países

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.