Bruxelas considera que o financiamento coletivo poderá ajudar a economia europeia, num momento em que as pequenas empresas têm mais dificuldade em aceder ao crédito bancário, avança a Reuters.

"O financiamento coletivo é uma fonte de financiamento importante para cerca de meio milhão de projetos europeus a cada ano, que de outro modo podem não obter os recursos necessários para avançarem", refere o documento.

Embora diversos países da UE já tenham começado a apresentar regras para o crowdfunding, a CE revela, neste mesmo documento, alguma cautela em avançar já com regulação para toda a União Europeia.

"A Comissão continuará a monitorizar o mercado e a avaliar a necessidade de medidas regulatórias, em resposta a circunstâncias que surjam", refere no documento.

As conclusões e sugestões do Executivo europeu deverão ser apresentadas no próximo dia 27 de março.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.