A Google anunciou ontem a concretização a compra da AdMob, que desenvolve tecnologia para publicidade em plataformas móveis - um segmento ao qual a empresa reconhece enorme potencial, com o crescimento dos acessos à net a partir de terminais móveis.

O negócio vai permitir à gigante das pesquisas reforçar a sua presença no mercado da publicidade dirigida aos internautas que navegam na Web a partir de telemóveis, desenvolvendo novas soluções para publicidade através sites e aplicações móveis.

A aquisição, confirmada ontem no blog oficial da empresa, não foi, no entanto pacífica. Desde que a Google anunciou a intenção de comprar a AdMob, em Novembro de 2009, que uma série de entraves têm sido colocados.

O negócio, no valor de 750 milhões de dólares, tem sido alvo de grande contestação por parte de associações de defesa da privacidade, que pediram às autoridades norte-americanas que impedissem a compra, alegando que este permitiria à Google acumular demasiado poder e informação sobre os internautas.

Outra das críticas prendia-se com uma eventual vantagem competitiva da Google no mercado da pesquisa em plataformas móveis. A situação tem estado sobre investigação por parte da Federal Trade Commission, o que atrasou o negócio, e só na sexta-feira passada (21 de Maio) foi dada "luz verde" à operação, explica o blog da Google.

As empresas vão agora começar a integrar os seus recursos e a desenvolver novos produtos e funcionalidades juntas, algo que esperam que aconteça o mais rapidamente e com o menor transtorno possível.

A publicidade baseada em plataformas móveis está a tornar-se uma aposta cada vez maior entre os clientes e parceiros da Google, tendo-se tornado já uma "parte central do seu negócio", afirma a companhia.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.