Mário Lino e Hugo Chávez reuniram-se na semana passada em Caracas para debaterem os acordos de cooperação entre a Venezuela e Portugal. O encontro, que aconteceu poucos dias antes do presidente venezuelano se deslocar a Lisboa, teve como meta traçar estratégias para os projectos económicos, energéticos e culturais que ligam os dois países.



Um dos destaque deste encontro foi para o desejo que Hugo Chávez demonstrou em ver importado para o seu país as linhas orientadoras das iniciativas de sucesso do Plano Tecnológico, nomeadamente o que se refere à Educação, escreve o Diário Económico.



Ao que parece, o presidente venezuelano quer transpor para o ensino secundário do seu país as mesmas facilidades no acesso às novas tecnologias facultadas pelo Estado português através do programa e-escolas.



Por enquanto, ainda não são conhecidos detalhes acerca das intenções de Hugo Chavéz, designadamente no que se relaciona com a implementação do plano na Venezuela e com o tipo de "encomenda" que o líder venezuelano pretende, já que, segundo se apurou, o número de computadores pedidos será elevado e "já para o próximo ano lectivo".



Esta quinta-feira, no âmbito da sua visita a Portugal, deverão ser avançadas informações mais pormenorizadas acerca deste negócio tecnológico entre os dois países.



Notícias Relacionadas:

2008-06-23 - e-Escolas avança para o 3º ciclo com 200 mil portáteis já entregues

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.