A Intel poderá estar a planear o despedimento de 10 a 20 mil funcionários para reduzir custos. A notícia é avançada pelo Wall Street Journal e não merece confirmação da empresa, que a considera especulação.




O diário socorre-se no entanto de alegados contactos com empregados da fabricante de chips e analistas para fundamentar a informação e acrescenta que a medida visa compensar a menor procura de processadores registada este ano e a consequente quebra nos resultados da empresa, que no segundo trimestre reduziu ganhos em 57 por cento.




A Intel emprega 99 mil colaboradores e lidera o mercado mundial de processadores, embora a sua principal concorrente, a AMD, esteja a ganhar terreno com o anúncio de novos acordos que retiram a exclusividade à Intel. Um desses acordos foi firmado com a Dell que recentemente anunciou o fabrico de um conjunto de modelos suportados em processadores AMD, para vários segmentos de mercado.




De acordo com a notícia do WSJ, o anúncio interno dos despedimentos na Intel podem suceder já na próxima semana. Recorde-se que já em Julho a Intel tinha anunciado o despedimento de mil colaboradores.

Notícias Relacionadas:

2006-08-23 - AMD quer captar 40% do mercado de servidores em três anos

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.