No passado mês de Abril de 2002 foram colocadas pela Internet ordens de bolsa no valor de 231,7 milhões de euros, uma quebra de 58,6 milhões de euros em relação ao mês de Março. Este valores, disponibilizados pela Comissão do Mercado de Valores Mobiliários referem-se às ordens de compra e venda de títulos através dos intermediários financeiros autorizados.



A quebra registava no volume de transacções através da Internet foi também sentida em relação ao total das compras e vendas de títulos em bolsa. No mês de Abril a CMVM indica que foram transaccionados em bolsa títulos no valor de 11,436 mil milhões de euros, registando-se uma quebra de 12,6 por cento em relação ao mês anterior e 23,5 por cento em relação a Abril de 2001.



As transacções pela Internet continuam a representar uma pequena parte no total de transacções em bolsa. De acordo com os valores apurados, apenas dois por cento das ordens de compra e venda de títulos foram efectuadas a partir da Internet.



Entre os intermediários financeiros registados, o Banco ActivoBank foi quem mais transaccionou títulos pela Internet durante o mês passado, seguido do BPI e do Banco Comercial Português.



Em Janeiro deste ano tinha sido apurado um volume de transacção online de títulos de 259,441 milhões de euros, mas no mês seguinte o valor baixou para os 205,187 milhões de euros. O melhor registo deste ano foi conseguido durante o mês de Março, período em que a negociação de títulos realizada através da Internet ultrapassou os 290 milhões de euros.



Notícias Relacionadas:

2001-08-28 - Corretagem online movimenta 226 milhões de contos no primeiro semestre

2001-06-18 - Transacções de títulos na Internet recuperam em Maio

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.