O valor estabelecido para as ações da Fitbit neste IPO situava-se entre os 17 e os 19 dólares, sendo distribuído 34,5 milhões de títulos, mas o interesse fez com que o valor subisse para os 20 dólares por ação ainda na quarta feira. Os títulos começam a ser transacionados hoje na bolsa de Nova Iorque.

Segundo a agência Reuters, o IPO conseguiu levantar 731,5 milhões de dólares, colocando o valor total da empresa nos 4,1 mil milhões.

A Fitbit foi criada em 2007 mas o interesse recente por dispositivos de vestir, ou wearables, tem servido para impulsionar o negócio. A empresa garante ter uma quota de mercado de 85% em dispositivos de medição de atividade em relação à venda no primeiro trimestre, nos Estados Unidos, dados baseados na informação da consultora NPD.

A empresa já terá vendido mais de 20,8 milhões de dispositivos e mais de metade foram vendidos em 2004.

No último ano as receitas da empresa quase triplicaram, atingindo os 745,4 milhões de dólares. Entre os principais concorrentes conta-se a Garmin e a Jawbone, mas também novos players como a Apple e fabricantes de telemóveis que se juntaram à Google no Android Wear.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.