O ministro das Telecomunicações japonês anunciou que, segundo dados de que dispunha, o número de nipónicos com ligações de banda larga à Internet deverá triplicar até 2007, chegando aos 60 milhões de utilizadores - ou seja, cerca de metade da população nacional, noticiou a agência Reuters.



Embora o Japão seja o actual líder mundial em telemóveis com acesso à Internet, durante muitos anos ficou para trás em relação a muitos países no que diz respeito a ligações à Internet em linha fixa, em grande parte devido à parca competitividade do sector interno e aos preços de ligação dos mais caros do mundo.



Mesmo relativamente à banda larga, o país tem estado muito atrás de congéneres asiáticos como a Coreia do Sul. No entanto, desde há dois anos, altura em que a Softbank Corp lançou um serviço de preços reduzidos de ligação ADSL à Internet, a recuperação do Japão a esse nível tem sido notável.



Esse acontecimento terá mesmo contribuído decisivamente para a dinamização do mercado nipónico nesse sector que hoje oferece preços, por exemplo, 16 vezes mais baratos do que os praticados nos EUA.



Por tudo isto, o Japão ocupa hoje o terceiro lugar na tabela de países com maior número de utilizadores de banda larga, atrás dos Estados Unidos da América e da Coreia do Sul, podendo orgulhar-se ainda de ser a nação com ligações desse tipo mais acessíveis em todo o mundo.



Notícias Relacionadas:

2002-01-04 - Expansão de acessos em banda larga no Japão obriga sites a repensar estratégia

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.