A Lifetech (Solutions For Life Technology - Tecnologias Informáticas), empresa fundada em Setembro de 2004, apresentou ontem os objectivos para os próximos meses e divulgou o balanço do primeiro ano de actividade, destacando o aumento do capital social no valor de 50 mil euros.

A empresa entrou no mercado nacional com um capital social cifrado em 150 mil euros, com 31 produtos que podiam ser encontrados em algumas grandes superfícies e noutros tantos revendedores esporádicos. Dois meses depois, já existiam 38 produtos sob a marca Lifetech e havia sido inaugurado um escritório em Espanha.

Entretanto, no primeiro trimestre deste ano, a Lifetech abriu um escritório na Ásia, a quantidade de produtos cresceu para 61, sendo que a sua comercialização já era efectuada nas principais superfícies nacionais contando com 100 revendedores e três distribuidores espanhóis.

Julho foi a data do aumento do capital social para 200 mil euros e do início do processo de certificação de qualidade para o ISO 9001:2000. Hoje, a Lifetech tem disponíveis 85 produtos e alargou a sua área de negócio para o segmento das pilhas.

Com esta nova área de negócio, Nuno Barradas, director geral da Lifetech visa aumentar o volume de vendas anual, passar a distribuir os produtos em 300 pontos de venda e atingir os mil pontos de venda para as pilhas Lifetech em Portugal.

Nuno Barradas, divulgou ainda que a estratégia comercial para o final do ano foca-se na venda directa em superfícies espanholas, no aumento do número de produtos, na obtenção da certificação ISO 9001:2000, na abertura de um escritório em Hong Kong e de uma estrutura no Brasil.

Notícias Relacionadas:

2004-11-23 - Gama Lifetech integra conjunto de novos produtos a tempo do Natal
2004-04-22 - Lifetech representa nova aposta da Solbi numa marca que visa a exportação

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.