Uma análise recente da Frost & Sullivan sugere que 2003 e 2004 foram anos de
crescimento acentuado para o mercado europeu dos serviços Internet Protocol
Virtual Private Network (IP VPN), embora as condições oferecidas pela indústria
das telecomunicações actualmente não sejam as melhores, com a procura reduzida
de serviços de telecom, a pressão da subida dos preços e o aumento da
concorrência.



A Frost & Sullivan avalia o mercado europeu de serviços IP VPN em 2003 em 2,73
mil milhões de euros, quando prevê que o valor cresça para os 8,56 mil milhões
de euros em 2008, o que sugere que 70 por cento do potencial de mercado total
tenha uma solução IP VPN implementada nessa altura.



O focus dentro deste mercado está cada vez mais nos clientes, enquanto os
fornecedores de serviços compreendem a necessidade para lhes fornecer serviços
de maior qualidade. Por um lado, os fornecedores de IP estão a acordar para o
potencial de mercado do IP VPN; por outro, as empresas estão a começar a migrar
as suas redes do Frame Relay e Asynchronous Transfer Mode (ATM) para o IP VPN, à
medida que percebem os benefícios destes serviços, salienta a Frost & Sullivan.



Um dos principais factores de impulso à adopção de IP VPNs é a sua capacidade de
alcance global. O facto da segurança dos serviços ter sido consideravelmente
melhorada também contribui para o sucesso crescente da tecnologia, considera a
consultora.

Notícias Relacionadas:
2003-11-11 - Convergência voz/dados perto da concretização nas WANs europeias

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.