Depois de declarar “derrota” no negócio da saúde, tendo vendido o seu departamento WellCare, a Nokia continua à procura de um rumo na área de licenciamento e negócios B2B. A empresa finlandesa anunciou a aquisição da startup SpaceTime Insight, uma empresa californiana dedicada a IoT, focada em Predictive Analytics, ou seja, sistemas de estatísticas relativas a informações obtidas através de algoritmos de machine learning.

Não foram divulgados valores do negócio, mas a empresa havia sido avaliada em cerca de 100 milhões de euros em 2016. O CEO da SpaceTime Insight, Rob Schilling, passará a chefiar o departamento de IoT da Nokia. Com a aquisição da startup, a Nokia ganhou também acesso aos seus principais clientes, que incluem empresas como a FedEx, a Sigapore Power, a Entergy e a NextEra Energy.

Embora o negócio da Internet das Coisas seja um domínio ainda muito pequeno no seio da empresa finlandesa, este enquadra-se na sua estratégia, pela (cada vez mais) quantidade de dispositivos conectados online. E a Nokia, que está a construir a sua própria rede IoT, quer oferecer serviços para os equipamentos, e acima de tudo, expandir a utilização de inteligência artificial.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.