A Nortel Networks, uma empresa canadiana da área de redes e produtos de telecomunicações, anunciou ontem que as perdas financeiras para o terceiro trimestre de operação deverão elevar-se a 3,6 mil milhões de dólares, ao mesmo tempo que ajustou o seu plano de remodelação da empresa de forma a ter apenas 45 mil funcionários até ao final do ano. Os resultados definitivos deverão ser apresentados no dia 18 de Outubro.


A empresa iniciou o ano de 2001 com 95 mil funcionários mas já havia anunciado demissões na ordem das 30 mil pessoas, planeando agora notificar até ao final deste mês mais 20 mil trabalhadores. Na base destas decisões está o referido abrandamento do mercado de tecnologia para o qual a empresa tem de se dimensionar.



A empresa tem vindo a desinvestir em negócios paralelos, centrando a sua atenção e investimento na produção de redes e equipamentos de telecomunicações, refere o comunicado de imprensa. Nesse sentido foi anunciada ainda ontem a venda dos bens da Clarify - uma empresa que trabalha na área de soluções Customer Relationship Management(CRM) - à Amdocs Limited por cerca de 200 milhões de dólares.



Entretanto, os rumores de que a Cisco Systems - uma empresa americana de produtos de telecomunicações - se estaria a preparar para entrar no capital da Nortel Networks, foram desmentidos por executivos da empresa americana. Estes confirmaram que ainda este ano a companhia deveria alargar a sua área de negócios através de aquisições, mas que a Nortel não era um dos alvos planeados.

Notícias Relacionadas:

2001-06-18 - Fibra óptica em declínio

2001-02-24 - Redes de telecomunicações crescem mais devagar

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.