A Oracle terminou o quarto trimestre fiscal de 2008 com receitas de 7,2 mil milhões de dólares, num aumento de 24 por cento face ao mesmo período do ano passado. No período terminado em Maio, lucros fixaram-se nos 2 mil milhões de dólares e também aumentaram, neste caso 27 por cento.



Com resultados acima das previsões dos analistas, a empresa de software de gestão confirma um quarto trimestre tipicamente positivo, que justifica com uma boa performance de vendas para os seus novos produtos de software.



As receitas de software fixaram-se nos 6 mil milhões de dólares, num crescimento de 26 por cento. Nesta área a empresa regista um aumento de 27 por cento na venda de novas licenças, com especial destaque para as áreas de bases de dados e middleware, aquelas que mais cresceram.



Em todo o ano fiscal a Oracle facturou 22,4 mil milhões de dólares a obteve lucros de 5,5 mil milhões de dólares, mais 29 por cento que no ano anterior. A venda de novas licenças permitiu à empresa um encaixe de 7,5 mil milhões de dólares, um pouco menos que as renovações, traduzidas numa receita superior a 10 mil milhões de dólares.



Notícias Relacionadas:

2007-03-01 - Oracle adquire Hyperion Solutions por 3,3 mil milhões de dólares

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.