Entre janeiro e dezembro do ano passado 19,5% das transações feitas em todo o mundo terão partido smartphones ou tablets. O número representa um crescimento de 55% face ao ano anterior, de acordo com um estudo da Adyen, onde também se revela que os gadgets da Apple, iPad e iPhone, foram os mais usados para este tipo de operações.



No último trimestre do ano, o mais atribulado em termos de compras, o iPad foi o dispositivo mais usado para fazer compras (41%), seguido do iPhone (31,6%) e dos smartphones Android, que foram a ferramenta usada no suporte a 20% das compras realizadas online no período.


Os tablets com o sistema operativo da Google foram um recurso menos usado, tendo sido usados apenas em 6,6% das transações, embora a tendência mais vincada ao longo do ano seja o crescimento dos sistemas Android no suporte a este tipo de operações. Embora a Apple continue na liderança, a hegemonia dos dispositivos da marca nas transações móveis desapareceu ao longo do ano, ficando abaixo dos 50%.


A Adyen analisou dados para compras em várias sectores, num total de 14 mil milhões de dólares pagos em 187 moedas e com 250 sistemas de pagamento diferenciados.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.