(Atualizada) A tecnológica portuguesa ISA - Intelligent Sensing Anywhere estreia-se amanhã no Alternext, um mercado de ações dirigido às Pequenas e Médias Empresas, assegurando a primeira presença portuguesa no índice.



Com a entrada na cotação, a empresa pretende ganhar visibilidade no mercado externo e facilitar o processo de internacionalização. A ISA já está presente em Espanha, França, Brasil, Reino Unido, EUA e Egipto, onde mantém escritórios, mas as suas soluções são comercializadas em cerca de 20 países.



Com o objetivo de potenciar os negócios fora do país a empresa criou recentemente um novo centro de competências no Médio Oriente e reforçou o que já tinha no Brasil, adiantou na semana passada o presidente da ISA, José Simões, à Lusa.



As soluções de telemetria e gestão remota para áreas como o gás, petróleo, saúde e ambiente são a grande aposta da ISA, que chegou ao mercado há quase duas décadas, tendo-se estreado nas soluções de telemetria dirigidas ao sector do gás.



Recentemente a sua tecnologia foi considerada pela Gartner uma das mais interessantes em todo o mundo na área das cidades inteligentes. Para a distinção da consultora valeu-lhe o trabalho na área dos sensores inteligentes, que fornecem informação a plataformas de gestão a ajudam a garantir eficiência e otimização.



Para entrar no Alternext, que conta atualmente com 180 empresas cotadas, a ISA fez um aumento de capital de subscrição privada do qual resulta a emissão de 500 mil novas ações, a valerem 5 euros cada uma.

Para assinalar esta entrada no Alternex a ISA teve hoje a oportunidade de fazer soar o sino de encerramento da EuroNEXT em Lisboa.

[caption]isa closing bell[/caption]

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico




Cristina A. Ferreira


Nota da Redação: A notícia foi atualizada com mais informação e a foto do momento de Closing Bell.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.