A Research In Motion, fabricante da linha de telefones móveis inteligentes BlackBerry comprou a Viigo. A empresa desenvolve software que permite disponibilizar conteúdos de terceiros em dispositivos móveis.




A nota do negócio surgiu no site da empresa adquirida, sem detalhes relativamente a valores envolvidos, ou objectivos da operação. Para já não é por isso claro se a empresa continuará a trabalhar com outros fabricantes como fazia até agora, nomeadamente com a HTC. É apenas assegurado que o desenvolvimento para equipamentos BlackBerry vai continuar.




O software desenvolvido pela Viigo permite ao utilizador móvel ter acesso a um leque diverso de informação, como informação sobre o tempo, bolsa, desporto ou títulos noticiosos. Tudo parametrizavel consoante as suas preferências, relativas a fontes de informação e local de acesso (por exemplo no que se refere à informação meteorológica).




Da oferta da Viigo faz ainda parte um produto para empresas, que facilita o acesso a informação corporativa a partir do telemóvel. Através desta ferramenta os trabalhadores móveis podem ter acesso ao calendário da empresa facilmente actualizável por todos os colaboradores; tabelas onde podem ir incluindo horas e despesas alocadas a diferentes projectos ou tabelas de preços e produtos, para suportar operações de vendas.




A RIM é uma das principais fabricantes de smartphones, sobretudo na América do Norte. Num relatório hoje divulgado por uma empresa de estudos de mercado (PCMag Mobile) defende-se que para continuar a crescer, como tem feito de forma expressiva nos últimos anos e como se espera que voltem a mostrar os resultados que a empresa apresentará na próxima quarta-feira, é preciso uma aposta mais centrada numa rápida experiência web e num fácil acesso às aplicações. Estes são trunfos reconhecidos à concorrência mais activa, que vem da Apple, com o seu iPhone.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.