A Samsung quer impedir a Apple de vender os seus iPhones e iPads nos Estados Unidos. Se a ideia lhe parece estranha, devemos lembrar-lhe que a Apple fez um pedido semelhante relativamente aos equipamentos da concorrente.

É o mais recente episódio na guerra que opõe as fabricantes, que se acusam mutuamente de violação de patentes.

Depois de a Apple ter pedido ao tribunal que proibisse a venda de produtos da Samsung nos EUA, fica a saber-se que a fabricante coreana solicitou à Comissão Federal do Comércio (FTC) que impedisse a importação dos produtos da Apple.

A informação é avançada hoje pela agência Reuters, segundo a qual o pedido da Samsung terá sido intentado esta terça-feira, solicitando bloqueio das importações do iPhone, iPad e iPod enquanto não ficar esclarecido se os produtos da Apple infringem as cinco patentes da Samsung que a fabricante afirma estarem a ser violadas pela empresa da maçã.

A fabricante sul-coreana terá agora de esperar para se o pedido será satisfeito, depois de ter visto outra das suas pretensões recusada este mês pelo tribunal, que não autorizou a empresa a ter acesso em antecipação aos dispositivos em produção pela Apple.

A Apple também já tinha pedido o acesso aos dispositivos da Samsung e o bloqueio da venda dos mesmos nos EUA (pretensão que ainda aguarda a decisão), acusando a rival de "copiar deliberadamente" produtos como o iPhone e o iPad. Na base das acusações está a linha de smartphones e tablets Galaxy, da Samsung, que segundo a empresa norte-americana terão design, interface de utilização e embalagens idênticos aos utilizados nos seus equipamentos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.