Numa conferência de imprensa destinada à apresentação dos seus resultados económicos, a SAS Portugal, fornecedora de software e serviços de business intelligence, anunciou hoje um crescimento de 16 por cento em 2002. No que diz respeito ao valor bruto das receitas, este foi de 5,45 milhões de euros, mais 1, 38 milhões do que registou em 2001.

Quanto à área que mais cresceu em 2002, o destaque foi para a venda de software - responsável por 89,5 por cento das receitas da firma -, a qual registou um aumento de 22 por cento, originando 4,15 milhões de euros. Já o segmento dos serviços - que representa 10,5 por cento dos lucros da empresa - baixou em cinco por cento o seu volume de vendas, contribuindo com 1,30 milhões de euros para volume de negócio total.

Esta quebra foi justificada por Álvaro Oliveira de Faria, director geral da SAS Portugal, pelo facto de os serviços terem tido um crescimento extraordinário no passado e de agora estarem englobados numa nova estratégia de reforço de parcerias da SAS, bem como pela maior atenção dedicada ao software e pelo adiamento de investimento do mercado. Na área das receitas globais, a empresa apresentou um aumento de 4,4 por cento em 2002, mantendo um crescimento que tem sido ininterrupto desde há 26 anos, declarando receitas de 1,18 mil milhões de dólares.

No que diz respeito às previsões para 2003, estas apontam para um crescimento do voume de negócios da SAS Portugal de 20 por cento. Este ano será mercado pelo reforço do investimento da base instalada de clientes, nomeadamente nas áreas da Banca, Seguros e Telecomunicações, sector onde a firma possui contratos com grandes empresas os quais ainda vão ser aprofundados, e pela aquisição de novos clientes, nomeadamente, entre as pequenas e médias empresas.

Este crescimento assentará ainda no reforço da oferta de soluções como as de Gestão de Risco, Activity Based Management, Optimização e Análise da Cadeia de Valor e em soluções verticais para o sector energético. Em termos tecnológicos o ano de 2003 irá ser marcado pelo lançamento do SAS 9, uma aplicação que será estruturante para a SAS.

Notícias Relacionadas:
2002-03-24 - Entrevista: "A tecnologia facilita a implementação de uma gestão estratégica"

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.