A Sonae SGPS anunciou há poucas horas que vai lançar uma Oferta Pública de Aquisição sobre a totalidade das acções e obrigações convertíveis emitidas pela PT SGPS. A empresa liderada por Belmiro de Azevedo oferece 9,5 euros por cada acção do operador incumbente, mais do que o valor de fecho dos títulos hoje (8,18 euros), e cinco mil euros por cada acção convertível.




A operação é lançada em parceria com a sociedade Sonaecom, liderada por Paulo de Azevedo e responsável pelos activos de telecomunicações do grupo, e será amanhã detalhada pelos dois empresários.




Um comunicado enviado à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários dá conta que o intermediário financeiro da operação vai ser o Banco Santander de Negócios Portugal.

De sublinhar que a concretização deste negócio terá sempre de passar pelo Estado, que detém uma Golden Share com cerca de 500 acções na Portugal Telecom.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.