Este é o quinto trimestre consecutivo em que a Sonaecom apresenta lucros, registando nos primeiros nove meses deste ano um resultado líquido de 3 milhões de euros, que comparam positivamente com os prejuízos de 7,9 milhões de euros do período homólogo de 2008. O EBITDA, cresceu 16,8% para 136,5 milhões de euros.

A sub-holding de telecomunicações do grupo Sonae revelou resultados acima das expectativas dos analistas, mas para este trimestre especificamente os resultados não são tão risonhos, com os lucros a cifrarem-se nos 1,4 milhões de euros, abaixo dos registados entre Julho e Setembro de 2008, quando se fixaram nos 4,2 milhões de euros.

Para os primeiros nove meses, e apesar da subida nos lucros, o valor de receitas foi mais baixo do que o do ano de 2008, fixando-se nos 716 milhões de euros, menos 10 milhões de euros do que os facturados entre Janeiro e Setembro do ano passado.

De acordo com Ângelo Paupério, CEO da Sonaecom, o desempenho nos primeiros nove meses de 2009 foi muito positivo e excedeu as expectativas a empresa em alguns aspectos. “Fomos capazes de atingir aquilo que consideramos um desempenho operacional consistente, com crescimento de receitas de clientes no móvel e na nossa divisão de Software e Sistemas de Informação (SSI)”, refere em comunicado.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.