As consolas podem estar prestes a ficar mais caras nos países que fazem parte da UE. De acordo com a IGN, este aumento poderá ser provocado pela "guerra" comercial que se faz sentir entre EUA e União Europeia.

Recentemente, o executivo norte-americano publicou uma lista de produtos que importa para a UE, aos quais poderá vir a aplicar novas taixas alfandegárias, tornando assim menos atrativa a compra dos artigos aos Estados-membro. Em jeito de retaliação, a organização europeia fez exatamente o mesmo, incluindo nesse documento equipamentos eletrónicos, como as consolas de videojogos.

Na prática, isto significa que se os EUA avançarem com a aplicação de novos impostos nos produtos importados da UE, a UE aplicará, também, uma série de taxas nos produtos que constam nesta lista de 11 páginas. No pior dos cenários, a importação de consolas sairá mais cara aos retalhistas e, consequentemente, ao consumidor final.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.