As divisões de Lifestyle e soluções empresariais para a área do retalho devem ser as mais afetadas pelo processo, embora esteja também em cima da mesa a venda de parte dos ativos da divisão de equipamento de diagnóstico por imagem para hospitais, avança esta terça-feira o jornal japonês Nikkei, que cita fontes próximas ao processo.

A primeira das três divisões envolvidas no alegado plano, onde cabem os televisores e os computadores por exemplo, é a que atualmente gera mais perdas à fabricante japonesa - o equivalente a 319 milhões de euros na primeira metade do ano fiscal de 2015 - e em todo o mundo emprega 24 mil pessoas.

A Toshiba está a lidar com os efeitos do escândalo financeiro em que recentemente se viu envolvida, quando ficou a saber-se que entre 2007 e 2014 as contas da empresa foram manipuladas para apresentar receitas acima do real. A empresa ainda corre o risco de ser multada em 7,3 mil milhões de ienes, o equivalente a 54 milhões de euros, pela Agência de Serviços Financeiros. O processo está em análise.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.