Os utilizadores de redes móveis parecem dispostos a gastar 28 por cento acima da quantia dispendida actualmente com os futuros serviços de conteúdos, indica um estudo recente da NOP World realizado a pedido da Nokia.



No geral, os serviços avançados de conteúdos parecem gerar grande interesse entre os utilizadores e tudo indica que, quando completamente disponíveis, poderão mesmo contribuir para diminuir o consumo de jornais, televisão e Internet.



Mediante os resultados do estudo, a Nokia conclui também que embora os consumidores se mostrem receptivos a aumentarem a despesa com serviços de conteúdos móveis, os operadores terão que diferenciar melhor a oferta, assim como fornecer mais informação sobre as soluções disponíveis.



Os utilizadores mais novos estão dispostos a pagar mais 10 euros por mês, uma quantia que diminui significativamente com o aumento da idade dos inquiridos. Apesar das diferenças registadas em termos etários, entre homens e mulheres tal não se verifica significativamente, com ambos os sexos a mostrarem a mesma vontade de gastarem mais com os futuros serviços móveis.



No geral, o método de acesso preferido aos serviços é o browsing, em vez do download ou do streaming, mas as preferências dependem do tipo de conteúdos em causa. O download aplica-se aos jogos e à música, enquanto o streaming e o browsing se aplicam mais em situações que digam respeito a uma actualização frequente.



Actualmente, a utilização de conteúdos móveis é dominada pelo download de toques - a que recorrem 40 por cento dos inquiridos, seguido dos ícones/screen-savers (22%). Contudo, os actuais serviços móveis são vistos como demasiados caros, quando 48 por cento dos inquiridos que nunca usaram qualquer serviço de conteúdos dizem que poderiam ser convencidos a fazê-lo se o preço dos mesmo baixasse.



O estudo foi conduzido em nove países da América do Norte, Europa e Ásia e concentrou-se maioritariamente na entrevista de pessoas que possuem telemóvel e que têm acesso à Internet.


Notícias Relacionadas:

2002-11-11 - Europeus reticentes em pagar por aplicações móveis GPRS e UMTS

2002-01-17 - Consumidores europeus preferem pagar por conteúdos em telemóveis do que em PCs

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.