Os membros do 3rd Generation Partnership Project (3GPP) anunciaram, esta semana, sob a égide do European Telecommunications Standards Institute (ETSI), um conjunto de novas especificações para a demarcação de serviços a distribuir pelos fornecedores de telecomunicações, nomeadamente o modo de transferência por pacote e o download de pacotes de acesso de alta velocidade, para além da confirmação das especificações que trazem um conjunto de benefícios e capacidades para os sistemas de terceira geração.



Os parceiros do projecto concordaram ainda na implementação das características das especificações para identificar o seu equipamento e documentação, com o logótipo e o nome 3GPP. Deste modo o ETSI registou o "3GPP" como marca e colocou-a à disposição dos membros daquele instituto.




A marca "3GPP" é de aplicação voluntária e não envolve qualquer tipo de certificação, nem obriga os fabricantes ou os fornecedores de serviço a ajustar-se às referidas especificações. No entanto, pensa-se que esta marca, dará ainda uma base de referência aos utilizadores, operadores de rede e outros fornecedores de serviços, salientando as compatibilidades existentes com outros produtos e serviços concebidos, tendo como base nas especificações 3GPP.



Entre as novas normas tecnológicas apresentadas pelo 3GPP encontra-se as especificações de serviços de lovalização para sistemas de transferência por pacote, que integram as normas baseadas em General Packet Radio Service (GPRS). Estas são especialmente vocacionados para a indústria de telecomunicações e destinam-se a divulgar a oferta de uma vasta gama de serviços baseados em localização aos clientes de um sistema avançado de comunicações móveis. A LCS apareceu na primeira série de especificação para GSM, apresentada em 1998 (a segunda geração do sistema global de comunicações móveis, produzida pelo ETSI).

A correspondente especificação 3GPPTM para o modo de circuito (circuit mode) fez parte das séries de especificações 3GPP, completadas em Dezembro de 1999. As especificações de modo de transferência de pacote foram criadas como acréscimo do serviço disponibilizado também em 1999.


Do lado das comunicações de alto débito o 3GPP apresentou ainda o High Speed Download Packet Access (HSDPA), um modo de acesso em pacote para download de alta velocidade, que encaminha a entrega de dados a um débito elevado a terminais de terceira geração, garantindo aos utilizadores o uso de capacidades multimédia efectivas anteriormente não disponíveis devido a limtações da rede.



A utilização de tecnologia por pacotes, como o HSDPA, aumenta significativamente a transferência de dados, indo ao encontro das necessidades multimédia da maior parte dos utilizadores. A HSDPA faz parte da discussão das especificações do quinto relatório 3GPPTM, agendado para o primeiro trimestre de 2002.



No que diz respeito ao IP Multimedia System (IMS), também especificado pelo grupo 3GPP, permitirá ao sistema 3G usufruir dos benefícios dos protocolos Internet e, como resultado, oferecer serviços como o acesso à Internet e aos conteúdos multimédia, que representam uma ponte entre telecomunicações e mundos Internet.



Estes serviços, fundados na especificação IMS, abrangem uma diversidade de cenários de comunicação, tais como os acessos fixos e móveis e as redes com e sem fios, a partir dos quais os clientes experienciam telecomunicações mais flexíveis. O uso do IMS em sistemas 3G pode ser opcional, mas é esperado que seja encarado pelos fornecedores de serviços, como uma escolha atractiva para o aumento das operações por transferência de pacote 3G.



O IMS vai usar o protocolo de comunicações IPv6, uma versão que tem uma maior capacidade no número de IPs disponiveis do que o actualmente em utilização IPv4.




Notícias relacionadas

2001-04-20 - Quarta versão de Especificações de UMTS revista

2001-03-31 - 3GPP integra SyncML para sincronização de dados

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.