Foram hoje abertas as propostas entregues ontem pela Portugal Telecom e a AirPlus para as plataformas de Televisão Digital Terrestre. Com algumas horas de atraso em relação ao previsto, a abertura das propostas resultou na aceitação das duas candidaturas da Portugal Telecom (para a plataforma de canais pagos e gratuitos) e à aceitação da candidatura da AirPlus que fica porém suspensa até à entrega das garantias bancárias exigidas.

A AirPlus deverá entregar a garantia bancária até 30 de abril, escreve a agência Lusa, conforme solicitado pela Comissão de análise da Anacom, mas o valor não foi revelado. Já as duas candidaturas da Portugal Telecom foram aceites incondicionalmente.

Embora sem contestar juridicamente a decisão de aceitar a candidatura da AirPlus de forma condicionada, a representante legal da PT fez uma declaração para a acta onde afirma que "a PT não reclama porque não pretende, num concurso desta importância, ganhar na secretaria. Considera porém, que não é um comportamento adequado de um concorrente apresentar-se em concurso sem caução uma vez que tal lhe permite ter acesso a todos os termos e condições do outro concorrente sem riscos financeiros", cita o Jornal de Negócios.

A administração da AirPlus já explicou que ainda está a negociar com a PT um acordo para acesso à rede de distribuição do sinal de TV, razão pela qual não entregou ontem uma proposta completa. "Não apresentámos a garantia bancária [na proposta hoje entregue] porque não temos ainda acordo com a PT para acesso à rede de distribuição do sinal", disse hoje o presidente executivo da Airplus Tv, Michael Warner, à Agência Lusa.

O mesmo responsável defendeu que a proposta da AirPlus tem vantagens face à da PT por poder iniciar mais cedo a transmissão, ainda em 2009. Segundo Michael Warner a empresa oferece ainda melhores preços e subsídios mais elevados para as set top boxes, que ultrapassam os 20 milhões de euros face aos 4 milhões porpostos pela PT, adianta ainda a Lusa

Recorde-se que a AirPlus e a Portugal Telecom foram as duas únicas empresas a entregar propostas para o concurso da Televisão Digital Terrestre depois de várias operadoras terem desistido por considerarem que o modelo de negócio inviável. A empresa sueca revelou ainda ontem que tenciona investir 80 milhões de euros, mas a Portugal telecom reservou mais detalhes para uma conferência marcada para esta tarde.

Nota da Redacção: [16:47] A notícia foi actualizada com mais informação sobre a proposta da AirPlus e as razões para a não entrega de uma garantia bancária.

Notícias Relacionadas:

2008-04-23 - Portugal Telecom e AirPlus TV entregam candidaturas à TDT

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.