Os preços das chamadas de telemóveis vão aumentar 2,5 por cento esta semana. A TMN foi a primeira a avançar, aplicado os novos preços desde a meia-noite de hoje, enquanto a Vodafone e a Optimus só mexem nos valores a partir da próxima quinta-feira.

Os tarifários não eram actualizados desde Julho do ano passado, quando os preços foram reduzidos devido à descida do IVA de 21 para 20 por cento. A última subida dos preços data de 2004.

Na TMN os novos preços aplicam-se aos serviços de voz e dados (telemóveis e placas de banda larga). Direccionado para os mais jovens, o tarifário Moche não sofre alterações.

As chamadas nacionais do plano Mimo entre clientes TMN custam agora 25,8 cêntimos no primeiro minuto e 15,5 cêntimos nos minutos seguintes. Para as outras redes, as chamadas nacionais têm um custo de 40,3 cêntimos por minuto.

As novas tarifas serão aplicadas pela Vodafone a partir de dia 05 de Março, que deixa de fora as mensalidades associadas aos tarifários Yorn Power Extravaganza e Vita 91 Extreme, bem como os serviços fixos e a banda larga.

Todas as chamadas nacionais do plano Vita Total vão custar 19,3 cêntimos por minuto. No mesmo plano, as chamadas internacionais para países da União Europeia nos dias úteis passam a custar 56,8 cêntimos por minuto.

Para a operadora, esta era uma “decisão inevitável”, tendo em conta “o actual ambiente macroeconómico, a maturidade do mercado das comunicações móveis, a diminuição das suas receitas de terminação e o aumento dos produtos e serviços contratados aos fornecedores”, refere a Lusa.

Igualmente em vigor a partir da próxima quinta-feira, na Optimus as chamadas nacionais do plano Total vão passar a custar 19,3 cêntimos por minuto. As chamadas para a Europa do mesmo tarifário custam hoje 52,6 cêntimos, passando a custar 53,9 cêntimos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.