A Comissão da Indústria, Investigação e Energia do Parlamento Europeu votou esta manhã favoravelmente o corte nas tarifas de roaming, no âmbito da proposta de revisão dos preços europeus para as chamadas móveis realizadas no estrangeiro, da Comissão Europeia.



A proposta prevê uma redução de 40 cêntimos de euro por minuto no preço de saída das chamadas e de 15 cêntimos de euros no preço de recepção (incoming), para além da aplicação imediata das medidas, logo que tenha lugar a aprovação final em plenário, avança a Associated Press.



Os valores votados ficam abaixo dos originalmente avançados na proposta da CE, que apontava para uma redução de 50 cêntimos nas chamadas de saída e de 25 cêntimos nas chamadas em incoming.



Com as votações a decorrerem dentro do calendário previsto é expectável que as novas regras para as chamadas móveis internacionais entrem em vigor em Junho, como era desejo de Viviane Reding, comissária para a Sociedade da Informação e autora da proposta.



O último passo antes da entrada em vigor do novo enquadramento regulamentar será a votação plenária com a participação dos 785 deputados com assento no parlamento. Para trás ficam três votações noutras tantas comissões específicas do Parlamento.



Notícias Relacionadas:

2007-04-11 - Parlamento Europeu vota proposta para redução de tarifas de roaming na UE

2007-03-16 - Novos preços para o roaming em vigor até Junho

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.