Um grupo de deputados do PSD apresentou um requerimento para avaliar o contrato de venda da rede fixa à Portugal Telecom, pretendendo também ver o contrato de concessão do serviço universal, avança hoje o Diário Económico.

O requerimento foi apresentado por cinco deputados do Partido Social Democrata (PSD), que pretendem as cópias dos documentos, alegando que as redes existentes foram construídas pelos municípios ou por particulares e entregues aos municípios, ou estão na posse da Portugal Telecom.

O requerimento é subscrito por Isilda Aguincha, Vasco Cunha, Carina Oliveira, Duarte Marques e Nuno Serra, deputados do partido que está atualmente no Governo, e também do que assinou o contrato de venda da rede, em 2002.

Recorde-se que na altura o Governo era liderado por Durão Barroso, sendo Manuel Ferreira Leite ministra das Finanças, e que o contrato de 365 milhões de euros serviu para reduzir o défice.

A concessão do Serviço Universal à PT tem também sido contestada por várias entidades, entre as quais a Comissão Europeia que já avançou com um processo por incumprimento da recomendação de lançar um concurso público.

Neste momento está a decorrer a consulta aos operadores interessados em assumir este serviço e ainda em fevereiro as entidades pré-qualificadas devem ser convidadas a entregar as suas candidaturas à Anacom. Para já mostraram interesse em participar a PT, Zon, Vodafone e Sonaecom.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.