A maior operadora móvel japonesa, a NTT DoCoMo, apresentou ontem cinco novos terminais que irá lançar ao longo do próximo ano e que permitirão aos seus utilizadores enviar emails com gráficos, fazer download de ficheiros de maior dimensão ou jogar recorrendo a maiores velocidades.



O lançamento dos equipamentos fazia já parte dos planos da companhia, mas não estava agendado ainda. A DoCoMo optou por antecipar a sua comercialização numa tentativa de aumentar o número de clientes na sua rede de terceira geração, lançada há já dois anos, e do serviço FOMA, explica a Reuters.



A DoCoMo foi a primeira operadora a disponibilizar serviços baseados numa rede 3G WCDMA, em Outubro de 2001, abrangendo apenas zonas limitadas e enfrentando um conjunto de problemas com os terminais disponíveis, no que respeita ao tamanho dos equipamentos ou duração das baterias. O FOMA foi também o primeiro serviço 3G, lançado a nível mundial e permite ligações à Internet de alta velocidade, garantindo a qualidade de chamadas utilizando vídeo, assim como o download de música e vídeo.



A apresentação da nova linha de terminais ficou a cargo de Takeshi Natsuno, director da área de planeamento da operadora, que não adiantou qualquer estimativa de vendas para os aparelhos, adiantando apenas que a companhia espera adicionar 5 milhões de novos clientes ao serviço FOMA.



A DoCoMo tem sido fortemente penalizada pela sua opção tecnológica, que se veio a revelar muito instável e pouco credível aos olhos dos utilizadores. Numa tentativa de alterar essa imagem a empresa avança, antes do previsto, com uma nova linha de equipamentos FOMA que resultam do trabalho conjunto com alguns fabricantes.



Recorde-se que no início deste ano a empresa decidiu revelar uma quarta parte dos seus trabalhos de investigação e desenvolvimento no serviço aos fabricantes de telemóveis. O objectivo era encorajá-los a melhorar algumas das funcionalidades e características dos próximos aparelhos.



No final de Novembro, o FOMA contava com 1,6 milhões de clientes, tendo em conta números da Telecommunications Carriers Association, enquanto o seu concorrente mais directo contava já com 11 milhões de clientes no seu serviço 3G, baseado numa tecnologia concorrente.



No que respeita à mesma tecnologia a Hutchison Whampoa foi a segunda operadora a avançar com o serviço, sofrendo também com a escassez de telemóveis nos mercados europeus que elegeu como primeiros: Itália e Reino Unido.



Os cinco novos terminais DoCoMo (que irão compor a série 900i) foram fabricados pela Fujitsu, NEC e Matsushita e dispõe de tempos de bateria mais elevados, menores dimensões e maiores capacidades multimédia.



Notícias Relacionadas:

2003-08-27 - Novos terminais 3G da DoCoMo serão 30 vezes mais rápidos que os actuais


2003-01-03 - J-Phone e DoCoMo com interoperabilidade para serviços de vídeo por telemóvel


2001-10-01 - NTT DoCoMo inaugura o primeiro serviço 3G

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.