A Televisão Digital Terrestre em Portugal quase não apresentou falhas de disponibilidade entre outubro e dezembro do ano passado, concluiu a ANACOM num estudo realizado. “Disponibilidade de serviço próximos dos 100% e nível de estabilidade de serviço elevado” são dois dos elementos destacados pelo regulador das comunicações.

A análise é feita recorrendo às dezenas de sondas que estão espalhadas pelo país e que têm como objetivo analisar a qualidade da TDT em Portugal.

“Aveiro foi o distrito em que durante mais tempo não foi possível receber o sinal de televisão e Setúbal o distrito em que houve maior número de períodos (apesar de de pequena duração) de intermitência na receção de televisão”, esclarece a ANACOM.

“Globalmente, é possível afirmar que nas zonas do país onde o sinal digital de televisão chega por via terrestre, através do canal 56, a receção de televisão fez-se de forma quase permanente e sem interrupções”, concluiu em comunicado.

A ANACOM salienta ainda que as interrupções no acesso ao serviço de TDT por norma têm como causa falhas de energia, intempéries, auto-interferências e atos de vandalismo sobre a infraestrutura de distribuição.

Relativamente à estabilidade o estudo não apresenta números ‘palpáveis’, mas mostra num gráfico que a TDT mesmo no seu pior momento esteve sempre muito acima do “Limiar mínimo de Estabilidade de Serviço Elevada”.

[caption][/caption]

“Há que ter em conta que mesmo quando a estabilidade do sinal é menor podem não existir alterações que sejam percetíveis para a generalidade dos utilizadores. Apenas aqueles que dispõem de instalações em mau estado e de equipamentos de pior qualidade é que sentem a degradação”, explica o regulador.

A investigação da ANACOM relativa ao último trimestre de 2015 teve por base mais de 15 mil milhões de registos obtidos pela rede de sondas. Os internautas portugueses já podem aceder a um mapa online onde veem em tempo real o nível de qualidade da TDT em diferentes distritos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.