A GSMA - GSM Association - aprovou o programa "3G for all" que pretende levar as tecnologias multimédia de terceira geração, bem como o acesso à Internet através do telemóvel, a mais pessoas no mundo, incluindo os indivíduos de países em vias de desenvolvimento.



Em comunicado a organização avança que nos próximos meses serão uniformizados os requisitos de fabrico dos telemóveis 3G por forma a baixar o custo de fabrico dos equipamentos.



O programa prevê uma competição entre fornecedores de equipamentos móveis que deverão criar telemóveis 3G cujas características correspondam aos requisitos comuns aprovados pelos operadores. No final a GSMA irá escolher o equipamento vencedor que será distribuído pelos operadores móveis participantes no programa.



A iniciativa faz parte do programa dirigido para os mercados emergentes da GSMA, responsável pela criação de um novo segmento de telefones GSM com preços mais acessíveis. Com este programa, desenvolvido pela Motorola, milhares de pessoas em mais de 56 países já tiveram o seu primeiro contacto com as telecomunicações.



Através da iniciativa o acesso a conteúdos multimédia tais como “videoclips, música, acesso à Internet entre outros serviços [...] sejam acessíveis a mais utilizadores", refere Rob Conway, CEO da GSMA em comunicado.



Em todo o mundo existem mais de 2 mil milhões de utilizadores de telefones GSM, sendo adicionados cerca de mil novos utilizadores por minuto, tanto de serviços de GSM de segunda geração como de terceira.

Notícias Relacionadas:

2005-09-28 - Motorola escolhida pela GSMA para vender telemóveis de baixo custo em mercados emergentes
2005-07-06 - Associação GSM alarga parceria para produção de telemóveis de baixo custo

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.