Um estudo divulgado pela União Internacional das Telecomunicações, revela que em todo o mundo acedem às redes sociais mil milhões de pessoas. As contas são feitas incluindo todos os tipos de média sociais, mas o grande destaque vai para o Facebook com os seus cerca de 900 milhões de utilizadores.



Twitter e Linkedin surgem também com destaque nesta lista das redes sociais mais populares, contribuindo com 200 e 120 milhões de utilizadores, respetivamente.



Os mesmos dados mostram que na utilização de redes sociais são os dispositivos móveis os mais usados para garantir acesso, um dado que também se explica pela indisponibilidade de acesso a uma ligação de banda larga fixa em muitas regiões.



Os preços da banda larga continuam a apresentar divergências significativas entre países, com África a registar valores mais elevados. Neste continente em média os preços de uma ligação à Internet são três vezes superiores ao orçamento de uma família.



Nos países em vias de desenvolvimento só 8,5% da população terá acesso a uma ligação de banda larga móvel, a taxa desce para 4,8% considerando genericamente todos os tipos de ligações à Internet em banda larga, contra os 26% apurados para os países desenvolvidos.



Os mesmos dados mostram que em todo o mundo cerca de 5 mil milhões de pessoas nunca usaram a Internet (ou usaram apenas em locais de acesso público), um cálculo que inclui a Internet de banda estreita.



No início de 2012 o número global de utilizadores de banda larga fixava-se nos 591 milhões, número que representa uma duplicação face aos últimos cinco anos.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico




Cristina A. Ferreira

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.