Há dias surgiram rumores de que a Samsung se prepara para lançar novos modelos dobráveis com preços mais acessíveis. Essa convicção fica agora reforçada com mais informação publicada pelo site WinFuture. Segundo a publicação, a fabricante coreana está a trabalhar em três novos modelos de dobráveis neste momento, com base em documentos relacionados com os componentes escolhidos para cada protótipo.

O site garante que a Samsung está a usar três nomes de códigos para criar os protótipos dos próximos Galaxy Fold e Flip, quando nos anos anteriores usava apenas dois. As referências identificadas foram B6, Q6 e Q6A e é esta última referência que está a levantar mais questões.

Os smartphones mais acessíveis da Samsung são precisamente os Galaxy A, onde a marca agrupa os equipamentos de gama média e de gama de entrada. Assim, estas referências estão a ser encaradas como nomes de código para o Flip 6, Fold 6 e Fold A, respetivamente, uma versão mais barata do dobrável de referência da marca.

Certezas só deve ser possível ter no verão, altura em que a Samsung normalmente renova as linhas de dobráveis. Até lá, vão com certeza surgir muitos rumores, uns mais próximos que outros da realidade, mas o mais certo é que até ao lançamento oficial mais detalhes verídicos venham a surgir.

Clique nas imagens para ver o Galaxy Z Fold5 da Samsung

Enquanto isso, a Samsung continua a liderar este segmento, mas o facto é que, de ano para ano, a concorrência é maior e mais diversa, a diferentes níveis, incluindo no preço. As primeiras notícias sobre versões mais baratas do Fold e do Flip surgiram na Coreia e indicam que a opção será uma forma de responder à concorrência na China, onde a Samsung tem vindo a perder terreno para marcas locais com propostas para o mesmo segmento.

“Para nós é muito importante tranquilizar o consumidor quanto à durabilidade do ecrã”
“Para nós é muito importante tranquilizar o consumidor quanto à durabilidade do ecrã”
Ver artigo

A publicação sul-coreana The Elec era quem garantia que a Samsung pretende aumentar a sua quota na China e que a estratégia passa por atualizar a linha Z Fold com modelos mais em conta. A escolha do Fold para uma versão mais barata, em detrimento do Flip, terá a ver com os níveis de vendas de cada um, que é mais elevado no Flip.

A Honor e a Huawei são os maiores concorrentes da Samsung neste mercado e os seus equipamentos já não estão apenas na China, o que pode vir a pressionar ainda mais a fabricante coreana. Dados da Omdia para o terceiro trimestre de 2023, partilhados pelo The Elec, revelavam que a Honor lidera o mercado de dobráveis na China com 28%, seguindo-se a Huawei com 26%. A Samsung surge apenas em terceiro lugar, com uma quota de 19% e é logo seguida pela Oppo com 11%, a Vivo com 10% e a Xiaomi com 5%.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.