Os serviços de terceira geração estão potencialmente disponíveis para 34,8 por cento dos utilizadores de serviços móveis, mas apenas 11,9 por cento os usou de facto durante o segundo trimestre do ano, de acordo com dados hoje divulgados pela Anacom.

As estatísticas do regulador das comunicações mostram que no período em questão 5,2 milhões de utilizadores tinham acesso ao serviço, mas só 1,78 milhões os utilizava. Os números representam ainda assim um aumento de 12,8 por cento face ao trimestre anterior e de mais de 85,1 por cento face a igual período do ano passado.

O regulador também compara os dados apurados com as estatísticas europeias relativas ao primeiro trimestre, para concluir que a penetração do UMTS em Portugal supera em mais do dobro a média da União Europeia. Em Portugal 45,5 em 100 habitantes dispõem de UMTS, contra 21,4 por 100 habitantes na União Europeia.

Em termos globais, os números indicam que existiam no final de Junho 15 milhões de subscritores do serviço móvel, que não correspondem exactamente a utilizadores únicos, mas espelham a existência de mais do que um cartão na posse de alguns utilizadores, bem como o crescimento de serviços de dados, como a banda larga móvel e outros serviços profissionais.

É também graças à expansão dos serviços de dados que é justificado o crescimento do número de assinantes pós-pagos em 4,1 por cento face ao trimestre anterior e em 17,6 por cento face a igual período do ano passado. Existiam no fim de Junho 4,14 milhões de subscritores móveis pós-pagos, que representam 27,6 por cento do total de utilizadores. A grande maioria mantém-se fiel aos cartões pré-pagos.

No seu todo o número de utilizadores de telemóvel cresceu 5 por cento, face ao segundo trimestre do ano passado, o valor mais baixo dos últimos anos, como sublinha o regulador. Face ao trimestre anterior avançou apenas 0,7 por cento.

O volume de chamadas realizado e o total de minutos de conversação continuam no entanto a aumentar em torno dos 5 por cento, na comparação com o trimestre anterior e de forma mais significativa quando comparado com o período homólogo.

O volume de mensagens escritas enviadas também continua a aumentar e entre Abril e Junho cada utilizador enviou em média 143 mensagens. As MMS também cresceram, 13,8 por cento para 22,5 milhões.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.