Posicionando-se para ultrapassar a concorrência na produção de semicondutores para telemóveis, a Texas Instruments pretende desenvolver até 2004 um chip que combine as principais funcionalidades necessárias ao funcionamento destes equipamentos, noticiou a agência Reuters. Seguindo a mesma ideia do "Internet on a Chip", que a Texas também está a desenvolver, este novo chip poderá reduzir a complexidade e custo dos equipamentos móveis.



Actualmente são necessários 4 chips e 180 componentes passivos para garantir o funcionamento básico de um telemóvel. A Texas Instruments pretende criar um único chip que assegure gestão de energia, sincronização com a antena rádio, gestão do software e memória. Para acompanhar este processador central serão necessários apenas 25 componentes passivos.




A Texas Instruments, que é actualmente um dos maiores fornecedores mundiais de semicondutores, pretende ainda em 2003 disponibilizar um sistema de dois chips para os fabricantes de telemóveis, um passo intermédio para o projecto de produzir um processador central.

Notícias Relacionadas:

2002-02-09 - Microsoft, Intel e Texas Instruments em parcerias para a área de comunicações móveis

2001-05-17 - Intel lança Internet num só chip para dispositivos sem fios

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.