Apenas algumas horas após a Vodafone anunciar o seu primeiro tarifário recarregável de acesso à Internet móvel, a TMN apresentou a sua própria versão do tarifário pré-pago aplicado à banda larga móvel.

A oferta da TMN é bastante semelhante à da Vodafone Vita Net, sem compromisso de permanência na rede e sem carregamentos mensais obrigatórios, estando o utilizador apenas obrigado a realizar um carregamento mínimo de 120 em 120 dias, de forma a manter o serviço activo.

Tal como na Vodafone, um carregamento de 10 euros corresponde a 10 dias de utilização da Internet móvel ou a 300MB de tráfego, dependendo de qual das condições for atingida primeiro.

Ao contrário da oferta da Vodafone, a TMN disponibiliza, ainda, uma opção de carregamento de 30 euros, correspondendo a um período de utilização de 30 dias ou a um tráfego máximo de 900MB.

As duas opções de carregamento serão ainda cumuladas com a oferta do mesmo tráfego na rede Wi-Fi da Portugal Telecom. Assim, um utilizador que realizar um carregamento de 10 euros beneficiará, para além dos 300MB de tráfego móvel, da oferta de 300MB de tráfego Wi-Fi. Um carregamento de 30 euros corresponderá à oferta de 900MB de tráfego Wi-Fi.

A Internet móvel da TMN tem uma largura de banda de 512Kbps, independentemente do valor carregado.

A oferta de banda larga móvel pré-paga da TMN está disponível na compra de uma placa de banda larga da TMN, com tráfego de dez dias já incluído, por 54,90 euros. Os utilizadores que já possuam uma placa de banda larga compatível poderão adquirir apenas um cartão SIM associado ao serviço, com tráfego de dez dias incluído, por 14,90 euros.



Notícias Relacionadas:

2008-08-21 - Vodafone avança com Internet móvel sem compromisso de fidelização

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.