É hoje disponibilizada a nível mundial a nova versão mobile do site do YouTube, que promete maior velocidade para quem acede ao serviço de partilha de vídeos da Google a partir do telemóvel.

Disponível desde o mês passado para os utilizadores localizados nos Estados Unidos, fica agora acessível a nível internacional, reforçando a aposta da empresa numa vertente do serviço que registou um crescimento de 160 por cento entre 2008 e 2009 e conta actualmente com cerca de 100 milhões de acessos diários, realça a Reuters.

Os responsáveis da área de produto do YouTube garantem que, embora se trate de uma aplicação baseada na Web (funcionando através do browser do telefone), a nova versão permite um desempenho tão rápido como o garantido por aplicações descarregadas para o telemóvel.

O objectivo era criar uma solução que fosse tão rápida como as aplicações "descarregadas", mas compatível com qualquer plataforma móvel, por via do browser, explica Andrey Doronichev, responsável de produto da área mobile, citado pela agência noticiosa.

A nova versão do YouTube mobile foi também pensada para permitir um desempenho mais rápido quando os utilizadores recorrem a ligações 3G ou Wi-Fi.

Por serem ligações por vezes mais lentas, os clientes tinham experiências de utilização pobres, explicou o responsável. Agora, os utilizadores podem optar por aceder a vídeos de menor resolução quando acedem ao serviço, usando uma ligação com menor velocidade de débito.

O novo YouTube mobile já usa HTML 5 e passa também a estar optimizado para telefones de ecrã táctil, com ícones de maiores dimensões para algumas das principais funcionalidades, que facilitam a utilização através deste tipo de dispositivos. Há também uma versão optimizada para o iPad, da Apple, e suporte à versão 2 do iPod Touch iOS.

Criação de listas de reprodução, sugestões de pesquisa e a possibilidade de categorizar os vídeos que se "gosta" e "não gosta" são outras das novidades, importadas do ".com" para as plataformas móveis.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.