Se tem um projeto relacionado com Web3, ou seja, a próxima geração de Internet que envolve metaversos, NFTs e outros elementos cripto, pode participar no Faber Web3 Hackathon. O evento decorre entre fevereiro e março e tem mais de 75 mil euros em prémios para distribuir entre os projetos submetidos. O hackathon é organizado pela Protocol Labs e a Faber numa colaboração que visa ajudar a promover o desenvolvimento de Web3.

É referido que a parceria combina a experiência da Faber como sociedade de capital de risco de empresas deep tech em fase inicial, com a capacidade da Protocol Labs em Web3 para ajudar empresas a criar alicerces numa web descentralizada. Esta empresa já criou projetos de referência de Web3, como a Filecoin e IPFS, além da colaboração com parceiros internacionais.

A parceria entre as duas empresas consiste numa primeira fase, com a criação do hackthon virtual, e numa segunda, um programa de aceleração remoto. Assim, o Faber Web3 Hackathon inclui dois dias de palestras e workshops para ajudar as equipas com as tecnologias e frameworks mais relevantes e atualizados para a construção de um projeto Web3. As empresas procuram equipas que trabalhem em áreas como criptografia e tecnologias blockchain, assim como sistemas para construir novos protocolos, ferramentas e serviços de infraestrutura como base da Web3.

faber
Equipa da Faber

Os candidatos ao hackathon podem submeter as suas propostas até ao dia 24 de janeiro. As 10 equipas selecionadas vão ter acesso a um “programa de classe mundial criado para maximizar as suas hipóteses de sucesso”. O programa Filecoin Faber Accelerator começa em abril e terá uma duração de três meses. A Faber e a Protocol Labs vão apoiar e acelerar as equipas que usem Filecoin e o IPFS nas suas soluções para construir empresas assentes em blockchain.

É referido que o programa pretende ajudar as equipas pré-seed a desenvolver os seus negócios, seja a nível técnico, financeiro e operacional. Cada equipa selecionada recebe pelo menos 80 mil euros de investimento direto pré-seed. Mas durante o programa, as equipas podem fazer pitchs e receber orientações de empresas de "venture capital" no espaço Web3.

Alexandre Barbosa, Managing Partner da Faber salienta o apoio à nova geração de empreendedores que está a construir novos protocolos descentralizados e ferramentas para Web3, que incluem aplicações de Finanças Descentralizadas (DeFi) e NFTs. Já Colin Evran, Ecosystem Lead da Protocol Labs, destaca a importância da parceria para impulsionar a comunidade de Web3.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.