A iniciativa – Academic Initiative for Cloud - vai alcançar 20 mil alunos em 36 países. Em Portugal as instituições abrangidas são a Universidade do Minho, o Instituto Politécnico de Tomar, o Instituto Superior de Engenharia de Lisboa e o Instituto Superior de Engenharia do Porto. 

Está centrada no IBM Bluemix (plataforma as-a-service) e é um programa que pretende levar às escolas “um novo currículo académico de desenvolvimento em cloud”, tirando partido da tecnologia da fabricante e fornecendo uma base para criar aplicações empresariais.

O IBM Bluemix integra mais de 100 ferramentas e serviços, que combinam tecnologias open source, soluções IBM e soluções de terceiros. O programa vai permitir formação em áreas como o Big Data & Analytics ou a computação cognitiva e inclui materiais de ensino, tecnologias e metodologias da IBM.  

Em comunicado a IBM explica que a iniciativa pretende dar um contributo para eliminar as lacunas que existem entre as formações atualmente disponibilizadas nos currículos académicos e as especialidades que o mercado de trabalho procura, dando aos alunos os recursos para testar na prática aquilo que os currículos ensinam em teoria.  

“A iniciativa Academic Initiative for Cloud vai apresentar aos alunos as mais recentes tecnologias e soluções de cloud, à medida que vão desenvolvendo as capacidades necessárias para lançarem as suas próprias empresas ou para se tornarem especialistas na indústria”, explica ainda a fabricante.

O programa avança já em outubro e dá acesso gratuito à plataforma por um período de 12 meses. Vai estar acessível a vários cursos, como Ciências da Computação, Tecnologias de informação, Ciências Analíticas e de Dados.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.