O projeto ainda não teve uma informação oficial por parte da empresa, mas as informações disponíveis fornecem vários detalhes. A dona do Windows também está interessada em criar condições para explorar a realidade virtual a preços acessíveis.

Enquanto trabalha nos Hololens, terá criado um produto mais básico, estilo Cardboard da Google, e espera atrair os programadores para o conceito e com isso fazer nascer aplicações que o explorem, a partir do ambiente Windows.

Explicam os sites que consultaram a fonte original da notícia (um site russo), o VR Kit é uma caixa de cartão, com umas lentes e um espaço para integrar o smartphone com Windows Phone, a partir do dispositivo e de aplicações instaladas no smartphone é possível desfrutar de imagens em realidade virtual. O Cardboard é tudo isso, mas foi idealizado para smartphones com Android.

O projeto foi revelado num site russo que convidava programadores a participarem num hackathon no dia 17 de outubro. Explicava que quem participar vai receber uma unidade do VR Kit com incentivo para criar aplicações em diversas áreas e ainda adiantava que há prémios para o melhor jogo de realidade virtual, aplicação educativa ou empresarial. A página para onde apontam os meios norte-americanos que pegaram no tema, no entanto, já não está disponível.  

 

 

 

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.