A estética é um critério de escolha tão bom como outro qualquer. Principalmente se associado a produtos que assegurem todas as funções essenciais à utilização que pretendemos fazer do dispositivo. Então porquê abdicar do que é bonito?

A pergunta pode colocar-se mesmo na altura de procurar produtos aos quais tendencialmente não associamos preocupações do género, como acontece com as impressoras e multifunções, de que nos ocupamos hoje.

O que prometemos é simples, uma seleção de equipamentos que não terá vontade de esconder no armário depois de usar. Ou, pelo menos, que nós não teríamos vergonha de exibir orgulhosamente. Preparado?

Damos início à mostra com aquele que será, provavelmente, um dos nossos equipamentos favoritos do lote de hoje. O "favoritismo" fica a dever-se a características como o design cuidado e compacto que, para além de agradável à vista, acaba por garantir alguma portabilidade na altura de mudar o equipamento de lugar.

A criação é assinada pela HP, que chamou ao modelo Envy 110. O multifunções está disponível em duas cores, branco e preto, e conta com um ecrã tátil que pode facilmente ser colhido, transformando esta impressora e fotocopiadora e scanner numa caixa fácil de transformar. Já o tabuleiro de impressão recolhe automaticamente depois de usado.

[caption]HP Envy 110[/caption]

Com ligação Wi-Fi e uma resolução de impressão até 4800 x 1200 ppp, promete reproduzir "fotografias com qualidade de laboratório" e facilitar a vida a quem pretende usufruir da impressão em movimento.

O equipamento assegura suporte à tecnologia ePrint - que permite imprimir a partir de qualquer parte, utilizando qualquer computador ou dispositivo móvel como um smartphone (sem necessidade de instalação de controladores adicionais), bastando registar a impressora no portal do serviço. O menos atrativo será o preço, situado nos 248 euros.

[caption]Lexmark Genesis S815[/caption]

Concorrente direto, em matéria de design retilíneo e inovador, é o Lexmark Genesis S815, que ganhou o prémio "reedot design" em 2011.

Trata-se de um equipamento desenhado para ser usado na vertical e que a fabricante apresenta como "criado para a velocidade", por ser capaz de passar documentos de 1 página para digital em 3 segundos.

Equipado com ecrã tátil de 4,3 polegadas e acesso à Internet sem fios, oferece a mesma resolução de impressão até 4800 x 1200 ppp e um preço que poderá ser um entrave para alguns: 400 euros.

[caption]Lexmark Genesis S815[/caption]

Menos proibitiva será, em matéria de custo, a opção que selecionámos do portefólio da Epson. Chama-se Stylus "Small-in-One" SX445W.

Apresentado como "o multifunções mais pequeno da Epson", não deixa de assegurar a ligação sem fios, o ecrã LCD tátil (6,3 centímetros) que facilita a utilização do equipamento mesmo com o computador desligado, ou a impressão a partir de dispositivos móveis, como smartphones e tablets.

[caption]Epson SX445W[/caption]

A empresa acrescenta ainda que o Wi-Fi integrado simplifica a configuração de impressão sem fios dos portáteis e computadores. Dispensando trabalho extra com definições de rede ou cabos USB, já que o SX445W encontra automaticamente as definições de conexão, de modo a configurar-se a ele próprio.

Assegura também entrada para cartões de memória para impressão de fotografias sem PC, mas não oferecer ligação à Internet. A resolução de impressão vai até 5760 x 1440 ppp, num equipamento comercializado a 99,99 euros.

Outra das propostas mais económicas de hoje será a que representa a Brother, e que passa pelo modelo DCP-J315W Wi-Fi, que tal como o da Epson, integra uma placa de rede Wi-Fi, para oferecer funções de impressora, fotocopiadora e scanner, sem fios.

Oferecendo uma resolução de impressão de 6.000x1.200 ppp, garante também a entrada para cartões de memória e um ecrã que, embora pequeno (4,8 centímetros) e não sendo tátil, autonomiza a utilização da máquina da de um computador.

[caption]DCP-J315W Wi-Fi[/caption]

O destaque vai para o design apelativo e o tamanho reduzido do equipamento, associado ao facto de dispensar cabos na ligação a outros dispositivos. O preço de venda ao público recomendado no site da marca é de 76 euros, mas encontrámo-lo à venda por valores a partir de 69,90 euros.

Segue-se uma sugestão para os veteranos da fotografia, que não colocariam suas impressões senão nas mãos de profissionais da área. É a pensar nesses que incluímos na lista uma das impressoras criadas pela Canon para otimizar a materialização em papel das imagens captadas pelas suas máquinas fotográficas. Seja como for, pode usá-la para o que bem lhe aprouver.

[caption]Pixma MG4150[/caption]

Optámos por um modelo lançado no início deste mês, que é agradável à vista e que não desilude nas características, assegurando, por exemplo, uma resolução de impressão até 4800 ppp.

A nova Pixma MG4150 é apresentada como multifunções compacto, com ligação à Internet e aos serviços Pixma Cloud Link e AirPrint da Apple - que permite imprimir sem necessidade de cabos a partir do iPad, iPhone e iPod Touch, sem que seja necessário instalar qualquer software.

[caption]Nome da imagem[/caption]

A aplicação Easy Photo-Print, da Canon, garante a utilização da impressora sem necessidade de PC e está também assegurada a ligação aos dispositivos Android, a impressão a partir de sites como o Picasa, ou a possibilidade de imprimir imagens a partir de conteúdos de vídeo Full HD.

O novo membro da família Pixma tem chegada às lojas europeias marcada para março, por um preço que ainda não foi revelado.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Joana M. Fernandes

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.