A MacWorld 2011 já terminou há alguns dias, mas vale a pena recuperar alguns dos produtos e soluções que foram apresentados nesta exposição "clássica", mesmo sem a presença da Apple, que no ano passado abandonou o evento, depois de uma participação ininterrupta desde 1985.

Não é por isso que os produtos da marca da maçã deixam de ser o centro da feira organizada pela IDG, que deixou cair a designação Expo para um nome mais curto, mantendo a localização no Moscone Center, em São Francisco.

Algum do brilho perdeu-se, porém, com a falta do grande motivador de novidades e lançamento de produtos, encolhendo também o espaço ocupado, apesar da organização cantar vitória com a presença de mais de 25 mil visitantes, 250 expositores e mais de 100 novos produtos. E, para quem tiver dúvidas, a data para o próximo ano já está marcada para 26 a 28 de Janeiro.

O TeK não teve o prazer de passar pela feira, mas hoje recuperamos a informação a partir dos ecos da Macworld na Internet e da lista dos prémios "Best of Show" que foram divulgados pela organização.

É fácil perceber que o iPad foi uma das principais estrelas e destinos das soluções e produtos apresentados. E não é de estranhar. Esta é a primeira MacWorld desde que o Tablet começou a ser comercializado e o entusiasmo com que o mercado o recebeu reflecte-se nas aplicações e nos acessórios, que quase ofuscaram o iPhone,

[caption]Rain Design iRest for iPad[/caption]Dos produtos escolhidos para melhores da feira, há vários que assumem esta tendência. O Rain Design iRest for iPad tem pouco de tecnológico, mas pode ser um bom companheiro para quem tem um iPad, já que oferece um apoio para o tablet e suporte almofadado para o colocar no colo.

Na lista de acessórios aparece também um joystick analógico que ajuda a controlar a acção dos jogos, com funcionalidade de force feedback e tudo. O Fling da Tone One custa só 20 dólares.

[caption]Fling [/caption]

E para quem gosta de escrever e não se habitua ao teclado virtual, a Zagg tem um ZaggMate, que curiosamente quase transforma o tablet num notebook ao integrar um teclado com uma caixa protectora de alumínio e ligação Bluetooth. Quando o teclado já não é necessário serve de caixa para proteger o iPad.

[caption]ZaggMate[/caption]

[caption]Web Information Solutions Pocket Informant 2.0[/caption]
Para os desportistas a melhor proposta aparece pela mão da Scosche com o myTrek Pulse Monitor, um dispositivo para medir a variação do pulso que comunica com o iPhone por Bluetooth para alimentar uma base de informação na aplicação que ajuda a gerir melhor o treino e a actividade física.

Nas aplicações a MacWorld destaca o Web Information Solutions Pocket Informant 2.0, um gestor de informação pessoal para iPhone e iPad que tem um interface renovado e que promete ajudar mesmo os menos organizados a manter a agenda e tarefas em dia.

Fora do mundo iPad e iPhone, o McTiVia da Awind entra também neste top pela sua capacidade de transmitir vídeo para televisores HD. A caixa liga-se através da porta HDMI e usa uma aplicação no computador Mac para fazer a ligação, servindo também de ponto de acesso para uma rede doméstica.

[caption]Nome imagem[/caption]

Para os donos de um MacBook Air a Mercury Aura Pro Express permite aumentar o espaço de armazenamento flash para 180 GB, 240 GB ou 360 GB. Sem discos externos e sem fios, mas com um custo entre os 500 e os 1.180 dólares... Só para quem achar que vale mesmo a pena o investimento.

[caption]Mercury Aura Pro Express[/caption]

Para o fim deixámos os menos interessantes da lista. Focada na partilha de ficheiros, a myDitto Key da Dane Elec é uma solução de rede numa pen USB, garantindo acesso ao servidor com comunicação de dados codificados, sem necessidade de instalar software.

Esta pen está na lista dos melhores da MacWorld e faz qualquer comum mortal duvidar do interesse de outros produtos apresentados na feira (!) até porque faz par na lista com o BusyMac, uma aplicação para gerir as tarefas nos computadores Mac que sincroniza com o iCalc e o MobileMe.

Mas não vale a pena acabar a lista de forma triste e por isso escolhemos o Boom da Global Delight, que serve apenas para conseguir aumentar o volume de som do computador Mac até ao ponto de partir vidros. Só para quem quiser um efeito estrondoso com músicas do iTunes e videos.

[caption]Nome imagem[/caption]

Se duvida, espreite o vídeo que está no site do produto. Mas, pelo sim, pelo não, não ponha o volume muito alto...

Fátima Caçador

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.