Está tudo preparado para mais uma conferência da Apple no Moscone Center, em São Francisco, pela segunda vez sem a presença carismática de Steve Jobs. Como é habitual o Worldwide Developers Conference (WWDC) já gerou muitos rumores mas poucas certezas quanto ao que se pode esperar em termos de anúncios por parte da marca da maçã, embora seja dada como (quase) certa a apresentação da nova versão do sistema operativo móvel, iOS 6.

Enquanto os relógios marcam a contagem decrescente para a subida ao palco de Tim Cook, CEO da Apple, às 10 horas da manhã de hoje (11/06), hora local, reveja alguns dos principais anúncios das edições anteriores, que ajudaram a fazer desta conferência um sucesso em termos de audiência e contribuem para o interesse dos developers, que este ano esgotaram os bilhetes em cerca de duas horas.

Todos os anúncios foram acompanhados com a devida atenção pelo TeK, e fazemos agora a retrospetiva, em ordem decrescente.


2011

A expectativa era de que uma nova versão do iPhone fosse a grande estrela da edição de 2011, mas na verdade os lançamentos foram todos centrados no software, com a atualização do iOS para a versão 5 e a adição de mais de 200 novas funcionalidades.

As atenções centraram-se sobretudo no anúncio do serviço iCloud, que só foi disponibilizado a 12 de Outubro e que materializa a resposta da Apple ao Dropbox e ao Spotify. O serviço veio substituir o MobileMe e deve agora ser "retocado" com a adição de tabs para separar os conteúdos de diferentes dispositivos.

[caption]Nome imagem[/caption]

2010

Pela terceira vez (e até agora a última) a Apple escolheu a WWDC para lançar o iPhone, desta vez a versão 4, que ainda integra o design do iPhone 4S e que já incluía o ecrã com tecnologia Retina Display e o chassis em alumínio.

Apesar dos reportados problemas de antena, o lançamento decorreu com o sucesso esperado e as longas filas de quem queria conseguir estar entre os primeiros a comprar o telemóvel, que ganhou nesse ano o FaceTime, ultrapassando uma das críticas apontadas ao smartphone.

[caption]Nome imagem[/caption]

2009

Este foi o ano da Apple começar a baixar a fasquia de preço das suas "jóias da Coroa" e propor um iPhone mais barato, e um Macbook mais acessível.

Nos MacBooks a redução de preços podia mesmo chegar a 200 dólares.

[caption]Nome imagem[/caption]

2008

A passagem do iPhone para o 3G marcou a edição de 2008 da conferência de desenvolvimento, mas para os programadores também o anúncio da App Store é um momento a recordar. É a partir daqui que a Apple começa a trilhar um caminho que marca agora toda a tendência dos sistemas operativos móveis, determinada pela importância do ecossistema de aplicações.

[caption]Nome imagem[/caption]

2007

Antes do iPhone também havia história na WWDC, embora não tão "mediática". O Mac OS X Leopard foi a principal novidade da edição de 2007, com mais de 300 novas funcionalidades e o sistema de backup Time Machine. Mas a versão comercial só havia de chegar às lojas em Outubro, deixando os utilizadores à espera das novidades.

Entre as novidades do ano contou-se também uma versão para Windows do browser Safari, que ultrapassou um milhão de downloads nos primeiros dias.

[caption]Nome imagem[/caption]

2006

A transição para o MacBook Pro, e o último Mac baseado em PowerPC parecia não ser grande auspício para a Apple em 2006, numa altura em que as vendas de computadores pareciam não conseguir "descolar", mas a empresa soube recuperar com o lançamento do iPhone no ano seguinte, transformando o seu negócio e entrando no mundo da mobilidade e das telecomunicações.

2005

A adoção dos processadores Intel, e a mudança para a arquitetura Intel Inside, 10 anos depois de ter adotado o PowerPC foi uma notícia que deixou tristes muitos fãs da Apple, que se assumiam como diferentes do mundo PC também no hardware. Mas a fórmula já provou ter dado resultados.

2004 e 2003

Com novidades muito menos excitantes, a WWDC de 2004 e 2003 atraíram menos developers, menos jornalistas e menos notícias. Ecrãs HP de 30 polegadas, os Apple Cinema HD, "encheram o olho" dos designers e processadores PowerPC G5 fizeram as delícias de quem mais se importava com a performance.

Este ano, para além do iOS 6 é esperado que a Apple anuncie hoje um novo serviço de mapas 3D, maior integração com o Facebook e a extensão do Siri ao iPad. Mas também são antecipadas novidades no hardware, com alguns analistas a especularem mesmo sobre uma nova versão do iPhone. Daqui a pouco saberemos.

O TeK vai acompanhar a conferência e no site de eventos da Apple poderá rever a apresentação, que estará também disponível no iTunes.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Fátima Caçador

Nota da Redação: Os rumores acabaram por se confirmar. Leia a notícia da conferência aqui,

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.