Desenvolvido por engenheiros do Jet Propulsion Laboratory, da NASA, o objetivo é que um dia o submersível robótico possa explorar os oceanos cobertos de gelo em luas como Europa, de Júpiter, ou Enceladus, de Saturno. Por enquanto o BRUIE vai mergulhando “em Terra”.

Desta vez o pequeno rover subaquático segue em direção à Antártida para ter a sua resistência testada - de cabeça para baixo… - durante um mês.

As águas da Antártida são o equivalente mais próximo da Terra aos mares de uma lua gelada, o que as torna no campo de teste ideal para a tecnologia do BRUIE, explica o JPL.

tek BRUIE
créditos: NASA - JPL

Com um metro de comprimento e equipado com duas rodas que rolam sob o gelo, o veículo flutuante pode registar imagens e recolher dados sobre a importante região onde a água e o gelo se encontram, conhecida cientificamente como "interface gelo-água".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.