Como explica a Google, o formato vai permitir a quem utiliza a aplicação usufruir de uma experiência mais realista no consumo deste tipo de conteúdos, graças à vista de 360 graus.

Para experimentar a possibilidade, no entanto, é necessário juntar mais um elemento ao telefone Android e à aplicação do YouTube para o sistema operativo móvel. A magia só acontece se for usado um dispositivo que o permita. Aqui a ideia é usar o Cardboard, uma espécie de caixa de cartão que pode integrar o smartphone e exibir as imagens que este tenha para exibir preparadas para o formato, que a Google explica neste vídeo. 

Para já a Google diz que há pouco mais de uma dúzia de vídeos VR no YouTube, mas qualquer programador pode carregar novos conteúdos deste tipo na plataforma. Já preparados para esta experiência estão, por exemplo, um trailer de Hunger Games.

O resto do catálogo do YouTube também pode ser explorado de forma diferente por quem tem um Cardboard, tirando partido do suporte para vídeos a 360 graus que a empresa garante desde março.

A utilização do Cardboard vai transformar o consumo de vídeo numa experiência idêntica àquela que o utilizador tem quando está numa sala de cinema IMAX. Com esta atualização passa a estar disponível a opção Cardboard sempre que o utilizador abre um conteúdo na app do YouTube para Android, como pode ver em seguida.

 

via GIPHY





Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.