A aplicação está disponível nas lojas oficiais do Android e do iOS e dá neste momento acesso a pouco mais de uma dezena de catálogos. Alguns são de clientes, outros foi a empresa decidiu criar para mostrar o que pode fazer com a tecnologia e o conceito desenvolvidos.



O projeto quer facilitar a vida a empresas que pretendam estender a presença à Internet, mais mais concretamente aos dispositivos móveis. Como explica António Sanches, um dos fundadores da Qaalog, "todas as empresas multiproduto e multisserviço são potenciais clientes".



O serviço da Qaalog centra-se na criação do catálogo, o que pode ou não incluir o registo de imagens de todos os produtos e o apoio na produção dos conteúdos associados. Há opções à medida de quem tem menos (até 100) ou mais (até 1.000) produtos para listar e quer mostrá-los numa aplicação partilhada pelo resto dos clientes, que reúne vários catálogos.



O serviço da Qaalog também pode ser usado para criar uma app exclusiva, com a marca do cliente e a possibilidade de inserir um número mais elevado de produtos. Os preços variam entre os 50 e os 175€ mensais, a que se juntam custos associados à estruturação do catálogo. São precisas entre três a quatro semanas para colocar cada projeto online.



O objetivo da Qaalog passa por angariar entre 24 a 28 projetos em 2015, onde espera encaixar seis projetos exclusivos (catálogos que estarão disponíveis em app própria, embora possam aparecer também no catálogo partilhado).

Entretanto, as melhorias na aplicação são as principais prioridades da equipa, explica António Sanches. A disponibilização de carrinhos de compras e a integração com plataformas de comércio online estão em marcha, para permitir compras diretamente no telemóvel de forma integrada com os sistemas usados pelas marcas.



A Qaalog conta com uma equipa de quatro pessoas que a partir de Lisboa, da margem sul, da Suíça e de Viseu usam plataformas digitais para conduzir um negócio que lançou bases há cerca de dois anos, quando a app começou a ser desenvolvida, mas só foi oficialmente lançado em setembro.



A app da Qaalog soma 3 mil downloads no Google Play e um milhar no iOS. O Windows Phone, por enquanto, não está nos planos.

Escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico

Cristina A. Ferreira

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.