Miúdos e graúdos. Para muitos o pensamento já só está nas férias e no merecido descanso. E se há quem aproveite os períodos de pausa para fazer um "detox" digital, outros preferem claramente desligar a cabeça de assuntos sérios e "alimentarem-se" com conteúdos de entretenimento..

O telemóvel e o tablet são neste momento os equipamentos primordiais para quem quer espairecer de forma rápida e simples. E para que não tenha a preocupação de ir à procura dos melhores conteúdos, ficam aqui algumas sugestões.

Descubra nas próximas páginas as aplicações que estiveram esta semana em destaque no TeK.

O caos serve-se a qualquer hora do dia no jogo Earn to Die 2

Numa altura em que o novo filme da saga Mad Max tem feito tanto furor junto da crítica e dos espectadores de cinema, talvez o jogo Earn to Die 2 seja uma boa forma de manter viva em si a chama do caos e da destruição num ambiente árido.

É importante esclarecer que a aplicação não tem nenhuma relação oficial com o filme, mas não é difícil encontrar uma relação espiritual. Há um ambiente inóspito carregado de mortos-vivos, há um mundo pouco habitado, há carros de destruição para artilhar até aos “dentes” e o resto só jogado mesmo.

Em cada nível o utilizador terá de artilhar o carro da melhor forma para conseguir chegar mais longe, se possível até aos depósitos de gasolina, para que possa continuar a esmagar objetos e zombies durante muitos mais metros.

O jogo está disponível para browser e também nas plataformas móveis Android ou iOS - é de ressalvar que no sistema operativo da marca da maçã o título da Not Doppler é pago.

As quase cinco estrelas de selo de qualidade que tem recebido da maioria dos jogadores servem perfeitamente para atestar o nível de vício que o jogo pode provocar.



Veja a próxima aplicação

Conheça a nova versão da Periscope para Android

Há dois meses a Periscope foi lançada para iOS. O Twitter assinala a data com o lançamento de uma versão da aplicação para a plataforma concorrente, o Android. A nova versão tem novas funcionalidades e diferenças também ao nível do design.

Só na primeira semana no iOS a aplicação foi descarregada mais de um milhão de vezes, pelo que a expectativa em torno da chegada ao Android é grande. Para os promotores e para os utilizadores, que passam a poder contar com mais uma opção para transmitirem ao vivo as suas próprias emissões de TV.



Nesta nova versão para Android, a aplicação sofre algumas modificação para se se por de acordo com as directrizes do material Design. A forma de começar a gravar e a emitir em direto um conteúdo é uma das diferenças.



Nesta versão para Android fica também facilitado o regresso à app, se o utilizador tiver de abandonar uma transmissão para atender uma chamada ou entrar noutra aplicação. Só com um clique num ícone que se manterá no ecrã conseguirá retomar a visualização do conteúdo.



A Periscope permite gravar e exibir vídeos em direto para outros utilizadores numa rede de amigos, ou criar conteúdos que só podem ser vistos por algumas pessoas. Os conteúdos criados através da aplicação também ficam disponíveis para ver mais tarde, durante 24 horas.



Veja as imagens da versão para Android.



Veja a próxima aplicação

Ainda lhe resta paciência para jogar Solitaire?

Muito mudou nos últimos 25 anos mas a Microsoft decidiu manter as principais linhas estratégicas de um dos jogos casuais mais populares de sempre: o Solitaire.

Está tudo intocado (ou quase): os modos de jogo, o tabuleiro verde ou a utilização de fundos de imagem, e a necessidade de paciência, muita paciência, para conseguir completar os níveis mais avançados do jogo de cartas que se tornou um clássico.





Há 25 anos atrás não havia muitas alternativas em jogos casuais para quem queria fazer uma pausa no trabalho e distrair-se. E em algumas empresas o jogo do Solitário foi mesmo banido dos computadores para evitar perdas de produtividade.



Com o passar do tempo a Microsoft foi adicionando outras opções ao seu pacote de jogos que acompanhavam o Windows e já garantiu que vai manter o Solitaire no Windows 10. Para já continua disponível para quem quiser no Windows Phone e também na loja do Windows. É uma forma de se distrair. Ou de perder a paciência...



Veja a próxima aplicação

Agora também já pode fazer "Shazam" a imagens

A popular aplicação que identifica músicas tornou-se visual. A empresa anunciou que a app consegue agora reconhecer imagens - seja de um cartaz, de uma revista ou de um postal.

A Shazam está a ir para além da música com a nova funcionalidade de reconhecimento de imagens. Agora, o utilizador pode usar a aplicação para digitalizar imagens ao seu redor e aceder a conteúdos exclusivos.



O único requisito, contrariamente à funcionalidade de música, é que as imagens possuam o logotipo da marca ou um código QR.



De momento, a Shazam já tem parceria com algumas marcas onde se destaca a Disney e a divulgação da longa-metragem Tomorrowland. Assim, os mais de cem milhões de utilizadores mensais da aplicação vão ter acesso a um trailer exclusivo do filme ao fazer "shazaming" ao poster oficial.



No início do ano, a Shazam recebeu uma injeção de capital que elevou o seu valor para mil milhões de dólares, qualquer coisa como 864 milhões de euros.



Para ter acesso à nova funcionalidade o utilizador terá de atualizar a aplicação para a sua versão mais recente (8.6.0). A Shazam é gratuita e está disponível para iOS, Android, Windows Phone, Mac OS e Windows.



Veja a próxima aplicação

"Weclipse-se" aos amigos para criar vídeos divertidos



A proposta é portuguesa e assume a forma de aplicação para iOS. É um pretexto para juntar amigos, criando vídeos curtos que se ligam entre si.


Cada utilizador pode criar vídeos com uma duração até sete segundos, definir um tema para o identificar, e convidar um máximo de quatro amigos para se juntarem ao clip, criando conteúdos ligados àquele tema.



O resultado final pode ser partilhado no grupo de amigos, sendo que cada grupo pode ter até 20 elementos, todos utilizadores da Weclipse. Quem usa a aplicação também tem acesso aos videos partilhados por quem decide seguir.



Cada desafio proposto (tema) por um utilizador tem um tempo limite para ser respondido, depois do qual já não é possível contribuir para o conteúdo.

O conceito da aplicação é explicado num vídeo.



Veja a próxima aplicação

Como vai estar o tempo amanhã? O Tempo em 3D diz-lhe tudo



A previsão do tempo está longe de ser infalível, mas continua a fazer parte dos hábitos mais práticos a verificação da temperatura e do estado do tempo para os próximos dias, muitas vezes recorrendo ao telemóvel.


Entre as muitas aplicações que expõem nos telemóveis a previsão do tempo, a Tempo em 3D (Weather in 3D na versão internacional) é uma das que tem uma apresentação mais interessante.





A app está disponível em várias línguas, incluindo o português, e precisa de aceder à localização do telemóvel para indicar as previsões para os próximos dias, com alguns detalhes e a visão imediata da temperatura no ecrã de bloqueio. é ainda possível adicionar vário locais para manter-se informado sobre a meteorologia.





A app está disponível no Windows Phone em versão gratuita, mas com publicidade. Para a desativar tem de pagar.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.