As aplicações para Android e iOS parecem ser infindáveis na Google Play Store e na App Store, mas a memória dos smartphones e dos tablets não. Por isso mesmo, o SAPO TeK dá-lhe a conhecer todas as semanas algumas apps que podem ser úteis no dia-a-dia.

Na semana do Carnaval, uma das aplicações permite aos utilizadores animarem o rosto e partilharem com os amigos, com um simulador que inclui a criação de um modelo 3D. Mas ainda houve tempo para conhecermos a Camu, uma app para aplicar filtros e efeitos antes de tirar as fotos, e a Peoople, a rede social dedicada a recomendações entre amigos.

Na área da realidade virtual (RV), a app Within reúne histórias em RV da qual pode fazer parte e, para ajudar a perceber se existe algum equipamento inteligente ao seu redor a tentar recolher informações sobre os utilizadores, o SAPO TeK deu a conhecer o IoT Assistant. Mais recentemente, a Samsung adicionou uma ferramenta de saúde feminina à aplicação Samsung Health, que permite acompanhar o ciclo menstrual.

Confira as aplicações que o SAPO TeK deu a conhecer esta semana.

Esqueça os deepfakes e coloque o seu rosto em animações para partilhar com os amigos

E que tal se conseguir tornar-se na personagem principal de um vídeo, usando um modelo 3D do seu rosto? Aproveite para experimentar em brincadeiras de Carnaval.

A aplicação que hoje sugerimos é um gerador de vídeos onde pode usar o seu rosto para entrar nas cenas que quiser, mas não se trata de deepfakes mas de um simulador que inclui a criação de um modelo 3D do seu rosto.

Chama-se mesmo Face em 3D - colocar seu rosto em um vídeo e faz o que promete, permitindo a criação de gifs e vídeos, que pode partilhar com amigos em animados memes.

A principal limitação é o número de fundos que estão disponíveis, com a Lua, a Gala dos Óscares, uma dança de bebé e paraquedismo ou super herói a permitirem um número reduzido de invenções, pelo menos para os mais criativos.

A app pode ser descarregada gratuitamente da Google Play Store e na app Store da Apple.


Ir até ao espaço em RV? Há uma app onde pode escolher a história em que quer participar

A aplicação Within é gratuita e reúne conteúdos em realidade virtual para todos os gostos, entre o terror e a animação.

Imagine voltar atrás no tempo e participar no lançamento de um foguetão em 1965. Esta é uma das histórias em realidade virtual (RV) da qual pode fazer parte, pelo menos enquanto espectador, na aplicação Within.

A app dá-lhe acesso a conteúdos em RV e histórias não faltam. Entre documentários, conteúdos de terror ou animações, a escolha é do utilizador, que os pode ver em stream ou no telemóvel, depois de fazer download.

Mas, e uma vez que o foco da aplicação é a RV, outra opção permite que aceda aos conteúdos através de um headset de realidade virtual. A partir daí, e mesmo que opte pelo smartphone, pode espreitar várias partes do cenário, à medida que vai rodando o equipamento.

Constantemente atualizada com novos conteúdos, a aplicação disponibiliza várias histórias em RV. Participar numa experiência com o Batman ou num documentário sobre surf são algumas das possibilidades.

A app é gratuita e está disponível na Google Play Store e na App Store.


Camu: uma app para aplicar filtros e efeitos antes de tirar as fotos

Aplicações para editar imagens há muitas, umas idênticas, outras com caraterísticas que as distinguem das restantes. A Camu está entre aquelas que (também) funcionam “à priori”.

Uma das funcionalidades mais distintivas deste editor de imagens é a possibilidade de aplicar filtros ou efeitos “live”, ou seja, antes de tirar a foto - ou talvez melhor dizendo, no momento em que está a tirar a foto - e assim experimentar e ver como vai ficar o resultado final.

Há também a promessa de “magicamente” destacar os mais pequenos detalhes da imagem com a ferramenta Clarity. As possibilidades de edição continuam com opções mais tradicionais como cortar, endireitar, ajeitar o ângulo ou aplicar efeitos vários, como é exemplo o tilt-shift.

É igualmente possível fazer colagens e adicionar texto, e os promotores garantem que a aplicação oferece as melhores selfies com o modo Auto Mode e as melhores imagens em profundidade graças ao recurso Super Focus.

A Camu é gratuita e já anda por cá há algum tempo para dispositivos iOS, tendo chegado mais recentemente ao universo Android.


Verifique que dispositivos inteligentes estão a tentar “roubar” os seus dados com o IoT Assistant

A aplicação criada por uma equipa de investigadores da Universidade de Carnegie Mellon, nos Estados Unidos, também permite verificar se existe alguma forma de manter a sua privacidade, como limitando a quantidade de dados a ser partilhada com os dispositivos em questão.

Atualmente, quando navegamos online, é comum recebermos avisos ou notificações acerca da forma como os nossos dados são tratados. No entanto, quando falamos dos múltiplos dispositivos inteligentes que já “povoam” as nossas casas, espaços de trabalho e estabelecimentos, a história é diferente.

Para ajudar a perceber se existe algum equipamento inteligente ao seu redor a tentar recolher informações sobre os utilizadores, um grupo de investigadores da Carnegie Mellon criou a IoT Assistant. A aplicação permite também verificar se existe alguma forma de manter a sua privacidade, como limitando a quantidade de dados a ser partilhada.

 “Devido a normas como o Regulamento Geral de Proteção de Dados e a California Consumer Privacy Act, as pessoas precisam de estar bem informadas acerca dos processos de recolha de dados, sendo que a possibilidade de participar ou não tem de estar sempre em cima da mesa”, afirma Norman Sadeh, professor no Institute for Software Research da universidade e principal investigador do projeto, em comunicado à imprensa.

A aplicação criada pelos investigadores da Carnegie Mellon University é gratuita e está disponível para Android, na Play Store, e para iOS, na App Store.


Já pode usar o smartphone Samsung para acompanhar o ciclo menstrual

A tecnológica adicionou uma ferramentas de saúde feminina à aplicação Samsung Health.

A app Samsung Health vai começar a oferecer uma das funcionalidades mais pedidas pela comunidade de utilizadores. De acordo com o site SamMobile, a tecnológica vai disponibilizar, já com a atualização 6.9.0.55, uma ferramenta que lhe permitirá monitorizar ciclos menstruais.

Em comparação com a concorrência, a empresa chegou atrasada ao segmento. Tanto a Apple, como a Fitbit ou a Garmin já disponibilizavam ferramentas do estilo, tal como várias dezenas de outras aplicações que pode descarregar para o seu smartphone.

A funcionalidade vai estar integrada numa secção de saúde feminina, que há muito era exigida nos fóruns da Samsung.

Comissão Europeia preocupada com qualidade das apps na área da saúde
Comissão Europeia preocupada com qualidade das apps na área da saúde
Ver artigo

Tal como sublinha o portal Engadget, a eficiência destas aplicações depende da forma como são utilizadas. Para estimar quando começa o próximo período, a app recorre aos registos dos ciclos passados para calcular datas, pelo que a previsão tende a não falhar. Contudo, os resultados tendem a não ser tão fiáveis quando o cálculo é feito em relação ao período fértil.

Esta adição é parte do projeto que a Samsung está a levar a cabo de tornar a Health numa aplicação mais abrangente e compreensiva das várias dimensões da saúde humana. Em 2019, a app ganhou exercícios de meditação, relaxamento e ferramentas de sono.


Peoople é a aplicação onde todos podem ser “influencers”

A aplicação é uma rede social dedicada a recomendações entre amigos, seja um bom restaurante a uma série de televisão, remunerando os utilizadores pelas partilhas.

A aplicação Peoople é a mais recente rede social assente na partilha de experiências e de recomendações das coisas que se faz no dia-a-dia. Seja um restaurante, produtos de beleza e moda, entretenimento como cinema, séries ou livros, entre outras experiências, os utilizadores são incentivados a partilhar com os amigos as suas recomendações.

Os utilizadores podem adicionar as suas experiências e recomendações e convidar amigos para seguir. No processo vão acumulando experiência quanto mais partilhas fizerem, levando-as a subir de nível e ganhar o estatuto de influencers, unicórnios e estrelas. A aplicação está mesmo a testar um sistema de remuneração aos utilizadores, tendo como base a quantidade de recomendações feitas, ou por outras palavras, quantas mais pessoas influenciou. Esta funcionalidade é desbloqueada quando chega ao nível de influencer, podendo transferir os fundos para a conta quando quiser.

Em termos de navegação, quando os utilizadores adicionam itens e locais às suas coleções, estas vão sendo partilhadas no mural, mas também no mapa, caso conceda as respetivas autorizações de tracking. É uma forma alternativa de encontrar um restaurante num local que está a visitar, por exemplo.

Pode fazer o download da aplicação gratuita para Android e iOS.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.