A Samsung recebeu a autorização do regulador nos Estados Unidos para utilizar sistemas de monitorização de apneia de sono nos seus smartwatchs. A funcionalidade vai estar disponível através da aplicação Samsung Health que receberá uma atualização prevista para o terceiro trimestre do ano, disponível para os utilizadores do país.

A fabricante já tinha autorização do regulador da Coreia do Sul para utilizar wearables capazes de detetar interrupções da respiração associados com desordens no sono e será o primeiro país a receber, aponta o The Verge. As principais marcas de smartwatchs, como a Apple, Fitbit e Withings também têm trabalhado em sistemas de monitorização de apneia, embora contra a vontade dos médicos que defendem que estes wearables são pouco viáveis.

Veja na galeria imagens do Samsung Galaxy Watch6 Series:

A Apple ainda não recebeu a autorização da FDA para lançar o seu sistema de monitorização avançado de sono, que inclui a apneia e a hipertensão para o Apple Watch. De recordar que a empresa da maçã continua a lidar com ações judiciais relativas a patentes de tecnologia para os smartwatch. Foi mesmo obrigada a remover a funcionalidade de monitorização da pressão sanguínea dos modelos Apple Watch Series 9 e Ultra 2, depois de perder no tribunal a disputa da patente.

Para monitorizar a apneia no Samsung Galaxy Watch, os utilizadores têm de vigiar o sono duas vezes através do smartwatch, pelo menos quatro horas em cada, durante um período de 10 dias, para obter os resultados. A medição dos níveis de oxigénio no sangue durante o sono é uma forma de monitorizar desordens, incluindo a apneia.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.