A capacidade de instalar aplicações Android é uma das características dos Chromebooks, mas nem todas as apps são otimizadas para o sistema operativo (SO) Chrome OS. A pensar nisso, a Google começou a substituir as aplicações por progressive web apps (PWAs) na Google Play Store para o SO lançado em 2010. A notícia foi avançada pelo Chrome Unboxed e, até ao momento, a gigante tecnológica não lançou um anúncio oficial.

Estas são boas notícias para quem tem um chromebook, uma vez que as PWAs são aplicações móveis executadas a partir de um browser e têm várias vantagens. O seu funcionamento assemelha-se a uma aplicação nativa na forma de interação, pode ser utilizada em modo offline e permite utilizar recursos do dispositivo através do browser, incluindo a câmara fotográfica.

Tal como explicou Alcindo Ramalho, coordenador de projeto na Opensoft, num artigo de opinião do SAPO TEK, as principais diferenças em relação a uma aplicação nativa é que não é necessário fazer o download da app a partir de uma loja de aplicações e o seu acesso não depende de um SO.

Até agora, a Google substituiu duas aplicações Android para PWAs nos chromebooks: o Twitter e a YouTube for Android TV. Na prática, isto significa que os utilizadores não podem mais instalar as versões Android de ambas as aplicações.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Tek. Diariamente. No seu email.

Notificações

Subscreva as notificações SAPO Tek e receba a informações de tecnologia.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.