A capacidade de instalar aplicações Android é uma das características dos Chromebooks, mas nem todas as apps são otimizadas para o sistema operativo (SO) Chrome OS. A pensar nisso, a Google começou a substituir as aplicações por progressive web apps (PWAs) na Google Play Store para o SO lançado em 2010. A notícia foi avançada pelo Chrome Unboxed e, até ao momento, a gigante tecnológica não lançou um anúncio oficial.

Estas são boas notícias para quem tem um chromebook, uma vez que as PWAs são aplicações móveis executadas a partir de um browser e têm várias vantagens. O seu funcionamento assemelha-se a uma aplicação nativa na forma de interação, pode ser utilizada em modo offline e permite utilizar recursos do dispositivo através do browser, incluindo a câmara fotográfica.

Tal como explicou Alcindo Ramalho, coordenador de projeto na Opensoft, num artigo de opinião do SAPO TEK, as principais diferenças em relação a uma aplicação nativa é que não é necessário fazer o download da app a partir de uma loja de aplicações e o seu acesso não depende de um SO.

Até agora, a Google substituiu duas aplicações Android para PWAs nos chromebooks: o Twitter e a YouTube for Android TV. Na prática, isto significa que os utilizadores não podem mais instalar as versões Android de ambas as aplicações.

Não perca as principais novidades do mundo da tecnologia!

Subscreva a newsletter do SAPO Tek.

As novidades de todos os gadgets, jogos e aplicações!

Ative as notificações do SAPO Tek.

Newton, se pudesse, seguiria.

Siga o SAPO Tek nas redes sociais. Use a #SAPOtek nas suas publicações.